Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
6

Diretores pedem agrupamentos mais pequenos

Ministro anunciou mudanças mas não revelou quais.
Bernardo Esteves 3 de Outubro de 2016 às 08:37
Agrupamento Vergílio Ferreira, Lisboa, é dos maiores, com quase 4 mil alunos
Agrupamento Vergílio Ferreira, Lisboa, é dos maiores, com quase 4 mil alunos FOTO: Bruno Colaço
A Associação Nacional de Dirigentes Escolares (ANDE) defendeu uma redução na dimensão dos agrupamentos escolares, depois de o ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, ter anunciado que vai fazer "ajustamentos" nos mega-agrupamentos.

"Espero que naqueles que têm mais de 3 mil alunos haja o bom senso de voltar atrás, porque são ingovernáveis do ponto de vista pedagógico", afirmou ao CM Manuel Pereira, presidente da ANDE, acrescentando: "A gestão de proximidade é decisiva para o sucesso educativo. Com mais de 3 mil alunos, os diretores passam o tempo com trabalho burocrático e descuram as questões pedagógicas", afirmou. Questionado pelo CM se pretende reduzir a dimensão dos agrupamentos, o Ministério da Educação afirmou que a rede escolar "está em permanente aferição" e que a reorganização da rede foi elogiada "como um exemplo" pela OCDE.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)