Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
1

Empresário espanhol vai criar "entre 20 a 30 postos de trabalho" na Guarda

Unidade fabril poderá iniciar a atividade dentro de "dois meses".
12 de Fevereiro de 2019 às 09:45
Empresário espanhol vai criar 'entre 20 a 30 postos de trabalho' na Guarda
Empresário espanhol vai criar 'entre 20 a 30 postos de trabalho' na Guarda
Empresário espanhol vai criar 'entre 20 a 30 postos de trabalho' na Guarda
Empresário espanhol vai criar 'entre 20 a 30 postos de trabalho' na Guarda
Empresário espanhol vai criar 'entre 20 a 30 postos de trabalho' na Guarda
Empresário espanhol vai criar 'entre 20 a 30 postos de trabalho' na Guarda
Um empresário espanhol vai abrir, em breve, uma fábrica de calçado na Guarda e criar "entre 20 a 30 postos de trabalho", anunciou o vice-presidente da Câmara Municipal.

Segundo Carlos Chaves Monteiro, a unidade fabril poderá iniciar a atividade dentro de "dois meses".

"É um empresário que, através de algumas pessoas da Guarda, veio também apresentar cumprimentos à Câmara Municipal. Disse ao que vinha, fez o seu trabalho, designadamente ver um conjunto de pessoas que pudesse integrar as fileiras da sua empresa. [Essas pessoas] tiveram formação no Centro de Emprego, na área da costura de sapatos", disse o autarca aos jornalistas, na segunda-feira, à margem da reunião quinzenal do executivo.

O vice-presidente da autarquia adiantou que o empresário do país vizinho "contactou também proprietários de imóveis para poder ali instalar e desenvolver a sua indústria".

"E, ao que sei, portanto, está muito para breve a abertura [da fábrica] para produzir sapatos, algo que já faz, há muitos anos, em Espanha", disse.

Referiu ainda que o gestor espanhol "escolheu a Guarda para aqui se localizar e desenvolver economicamente os seus negócios".

"O que a Guarda beneficia [com a instalação da nova unidade fabril], exatamente porque é mais um empresário, são mais postos de trabalho e é mais dinâmica que se cria na nossa cidade", rematou.

De acordo com Carlos Chaves Monteiro, a nova fábrica vai instalar-se na zona do Outeiro de São Miguel, fora da zona da Plataforma Logística da Guarda.

O autarca lembra que o município tem apoios para os empresários que se querem instalar na Plataforma Logística ou fora dela, como acontece com o empresário espanhol, "que vai criar entre 20 a 30 postos de trabalho na indústria do sapato".

A Câmara Municipal da Guarda apresentou em dezembro de 2018 três iniciativas de apoio ao investimento no concelho, com o objetivo de captar projetos empresariais e de criar novos postos de trabalho.

O município presidido por Álvaro Amaro (PSD) criou um Gabinete de Desenvolvimento Estratégico e Apoio ao Investimento e Empreendedorismo, um Regulamento Municipal de Concessão de Incentivos ao Investimento denominado "Guarda Investe" (que é a atualização de um outro já existente) e lançou um concurso de empreendedorismo com a designação de "Guarda Forte".
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)