Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
6

Exame de Matemática "acessível mas trabalhoso"

A apreciação do exame de Matemática A do 12.º ano, que se realizou nesta tarde de quinta-feira, não reúne consenso entre os alunos da Escola Vergílio Ferreira, no bairro de Carnide, em Lisboa. Para alguns estudantes, a Matemática não deixou de ser o eterno bicho papão e, por isso, consideram que o exame foi “muito difícil”. Já outros preferem caracterizá-lo de “acessível mas trabalhoso”, esperando boas notas e entrada directa para a universidade.
21 de Junho de 2012 às 18:49
Opiniões dos alunos divergiram após o exame de Matemática
Opiniões dos alunos divergiram após o exame de Matemática FOTO: Pedro Catarino

“Correu muito mal, apesar de eu ter estudado muito. Acho que complicaram muito e as perguntas não eram directas. Estou pronto para a segunda fase, desabafou Manuel Oliveira, de 21 anos, que precisa de positiva para entrar em Engenharia Civil.

Para Sebastião Martins, de 18 anos, a prova era bastante acessível. “Correu muito bem. O exame não era difícil e, em relação aos anos anteriores, acho que era mais trabalhoso. Estudei muito e espero ter 18 valores”, disse.

Terezinha Silva, professora de Matemática da Escola Vergílio Ferreira, demorou 40 minutos a realizar uma prova que considera razoável. “Sem ser muito difícil, era trabalhoso. As perguntas tinham uma interpretação fácil. Os alunos estão um bocadinho desiludidos mas a prova era do género do teste intermédio e eles tinham todos os conhecimentos para a realizar”, referiu a docente.

Os exames nacionais do Ensino Secundário continuam. Amanhã, avaliam-se os conhecimentos de Geometria Descritiva A, Economia A e História A.

Ver comentários