Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
8

Falha energética deixa Colombo às escuras

Lojas fecharam imediatamente.
29 de Março de 2016 às 21:16
Colombo esteve às escuras cerca de uma hora
Colombo esteve às escuras cerca de uma hora FOTO: Raquel Luís
O Centro Comercial Colombo, em Lisboa, sofreu esta terça-feira um corte de energia, às 20h45, que afetou o funcionamento normal das lojas, disse à agência Lusa fonte do grupo Sonae Sierra, referindo que a situação foi resolvida às 21h33.

Segundo a responsável de comunicação da Sonae Sierra, Susana Lourenço, durante o apagão foi "assegurada a energia mínima, em termos de iluminação suficiente para as pessoas circularem no interior do Centro"

"As lojas é que não estavam a operar normalmente", indicou.

Susana Lourenço esclareceu que se tratou de "uma situação completamente alheia ao Centro", explicando que o corte de energia foi da responsabilidade da EDP.

A responsável disse ainda que o piquete da EDP chegou ao local às 21h15 e o problema foi resolvido às 21h33.

Em relação à origem do apagão, Susana Lourenço afirmou que deveu-se a "uma falha no fornecimento de energia elétrica na infraestrutura da EDP distribuição", no exterior do Centro Comercial Colombo.

A segurança no local esteve "perfeitamente assegurada", afirmou a responsável, frisando que o corte de energia "não põe se quer em perigo a integridade física de ninguém".

"Temos um plano de emergência que cobre essa situação", reforçou a assessora do grupo Sonae Sierra, explicando ainda que durante o apagão esteve "tudo a funcionar normalmente, exceto as lojas".

De acordo com o que apurou o Correio da Manhã, um curto-circuito na instalação energética que alimenta o centro comercial esteve na origem deste apagão. A subestação foi ligada às 21h30. O Colombo foi o último lugar onde foi retomada a energia.

Segundo fonte da PSP disse ao CM, não foram registados desacatos nesta zona.
Colombo corte energia
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)