Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
9

Falta de obstetras e ginecologistas

O conselho de administração do Hospital Garcia de Orta, presidido por Nelson Baltazar, decidiu substituir, na semana passada, o director do Serviço de Ginecologia, Hélio Retto, alegando a necessidade de reorganizar a equipa. Ao que o CM apurou, devido à saída de oito dos 23 especialistas de ginecologia e obstetrícia para o privado, nomeadamente para a nova Unidade de Cascais, o hospital de Almada tem dificuldades em manter as equipas do serviço de Urgência, com consequências no atendimento dos utentes.

28 de Abril de 2010 às 00:30
Hospital vai contratar mais especialistas para equipa de ginecologia
Hospital vai contratar mais especialistas para equipa de ginecologia FOTO: Sérgio Lemos

Segundo fonte da direcção, que confirmou ao CM a decisão, o serviço está a ser assegurado por Vítor Gonçalves e será nomeado em breve um novo director. A solução passa ainda pela eventual contratação de mais obstetras e ginecologistas.

Esta situação motivou reuniões com a Administração Regional de Lisboa e de Vale do Tejo e com a ministra Ana Jorge. Mas a administração do Garcia de Orta optou entretanto por convidar Hélio Retto a pedir a demissão, atribuindo-lhe a responsabilidade pela saída dos outros médicos.

Não foi possível contactar o especialista, mas o Correio da Manhã sabe que Hélio Retto recusou pedir a demissão e assumir essa culpa.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)