Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
8

Feira de S. Mateus com segurança reforçada

Dias de enchente com mais efetivo policial.
Tiago Virgílio Pereira 6 de Agosto de 2016 às 09:38
Panorâmica da cidade vista no voo do balão
Panorâmica da cidade vista no voo do balão FOTO: DR
A Feira de S. Mateus, a mais antiga feira franca viva da Península Ibérica, arrancou ontem com um forte dispositivo de segurança. A PSP vai desenvolver uma operação de segurança direcionada para o recinto da feira e área envolvente, com utilização de todas as suas valências, reforçando o policiamento na cidade e apostando na prevenção.

"Desde os atentados terroristas em França que o Serviço de Informações de Segurança (SIS) recomendou maior atenção aos grandes eventos", explicou ontem ao CM fonte da PSP. À imagem do que tem acontecido nas edições passadas, o dispositivo será reforçado em dias de maior enchente, que pode ultrapassar as 50 mil pessoas.

Também a organização do evento reforçou a segurança, visando sobretudo as crianças, com a "adoção de uma pulseira, com um chip, para que seja mais fácil localizá-las no caso de se perderem", explicou o presidente da autarquia, Almeida Henriques. Ontem, pelas 21h30, deu-se a inauguração oficial da edição 624, que contou com a presença de vários presidentes de autarquias da região Centro. "Ao longo destas cinco semanas a feira será certamente visitada por algumas figuras do Governo", a garantia foi deixada por Almeida Henriques.

O dia de ontem começou com uma viagem de balão de ar quente, pelas 07h00. O CM acompanhou o voo inaugural daquela que promete ser uma das grandes atrações do evento. O balão sobrevoou o recinto, a Cava de Viriato e parte da cidade beirã. O momento serviu para ter uma panorâmica diferente da cidade.
Até ao dia 11 de setembro estão previstos mais de 100 eventos e 32 concertos. Pelo palco principal vão passar nomes como Agir, D.A.M.A., C4 Pedro, Mariza, GNR e David Carreira.

A gastronomia é outra mais-valia da feira. Não vão faltar as tradicionais farturas e as enguias que, este ano, terão uma ‘casa’ especial. De regresso, após vinte anos, estão também os ‘furinhos’ de chocolate. A feira está a reinventar-se e aposta na inovação sem esquecer as tradições que a marcaram ao longo dos anos.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)