Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
4

Festival 'O Bairro i o Mundo' decorre em Loures

Iniciativas visam "eliminar preconceitos".
3 de Outubro de 2014 às 07:15
Para além do festival, a Câmara de Loures está a fazer pequenas obras de reabilitação de alguns prédios
Para além do festival, a Câmara de Loures está a fazer pequenas obras de reabilitação de alguns prédios FOTO: Jorge Paula

Concertos, peças de teatro e 'workshops' de dança são algumas das atrações do festival 'O Bairro i o Mundo', que decorre entre esta sexta-feira e domingo no bairro da Quinta do Mocho, em Loures, e que visa "eliminar preconceitos".

O festival, que vai para a sua segunda edição, resulta de um projeto desenvolvido pela Câmara de Loures e pela associação artística Ibisco, que no ano passado iniciou um processo de requalificação socio-urbanístico na Quinta da Fonte.

O programa, que se desenvolve em cinco palcos espalhados pelo bairro, inclui ainda atividades para crianças.

Além disso, está a ser programada a "intervenção artística e a recuperação do próprio bairro", que começou a ser preparada na semana passada "com a visita de muitos 'writers', que têm ido ao bairro para escolher as paredes que querem pintar", disse à Lusa fonte da organização.

A ideia é "pintar cerca de 30 empenas, paredes cegas - sem janelas ou portas, e alguns embasamentos e entradas dos prédios".

Entre os artistas que irão pintar paredes na Quinta do Mocho estão Odeith, Mar, Ram, Carry On, Smile, TOSCO e Vhils.

"Intervenção profunda"

Em declarações à agência Lusa a vereadora com o pelouro da Coesão Social e da Habitação na Câmara de Loures, Maria Eugénia Coelho, ressalvou que os objetivos deste festival "vão mais além da componente lúdica".

"Este festival é o pontapé de saída de uma intervenção profunda que desejamos fazer neste bairro. Trata-se de um bairro onde ainda existe muito preconceito e uma imagem muito injusta, que necessita de ser desmistificada", justificou à agência Lusa a vereadora.

Nesse sentido, a autarca referiu que paralelamente aos preparativos para o festival, que envolvem toda a comunidade, a Câmara de Loures está a fazer pequenas obras de reabilitação de alguns prédios mais degradados.

Maria Eugénia Coelho adiantou ainda que o executivo municipal pretende realizar mais edições deste festival, mas mudando o palco para outros bairros do concelho.

O bairro da Quinta do Mocho, recentemente renomeado como Terraços da Ponte, situa-se na freguesia de Sacavém.

Bairro i Mundo Quinta do Mocho
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)