Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade

Fila da fome com centenas de pessoas indigna moradores em Lisboa

Lixo e discussões perturbam residentes e comerciantes.
Vanessa Fidalgo 6 de Junho de 2020 às 09:59
Centenas recebem refeições em Arroios
Polícia vigia e ajuda
Aglomerado, ontem, no Cais do Sodré
Centenas recebem refeições em Arroios
Polícia vigia e ajuda
Aglomerado, ontem, no Cais do Sodré
Centenas recebem refeições em Arroios
Polícia vigia e ajuda
Aglomerado, ontem, no Cais do Sodré
Aglomerações de pessoas carenciadas e em situação de sem-abrigo junto a pontos de distribuição de refeições quentes em Lisboa estão a causar o descontentamento da população, que as considera um perigo para a saúde pública.

Acontece, diariamente, na rua da Escola do Exército. Além do ajuntamento de pessoas - muitas sem máscara -, à junta de Arroios chegam inúmeras queixas de "tumultos, discussões e do lixo que fica acumulado" na via. As refeições, procuradas todos os dias por perto de 400 pessoas desde o início da pandemia, são garantidas pelo município e distribuída pelo Exército. "Toda a gente tem direito a comer. Mas eles são agressivos, deitam tudo para o chão e até aqui à minha porta já fizeram as necessidades", relata ao CM Antonieta Lopes, dona de uma loja na rua.


A junta de Arroios defende, contudo, "a necessidade de proteger a dignidade das pessoas que necessitam de ajuda e que ficam ali expostas na rua durante horas", segundo afirma a presidente, Margarida Martins. "Algumas estão a ser encaminhadas para outras respostas (refeições ao domicílio) e está a providenciar-se uma estrutura para que possam comer condignamente as suas refeições dentro da parada do quartel", acrescenta.

No Centro de Ajuda do Cais do Sodré, esta sexta-feira de manhã a Polícia Municipal foi chamada a intervir no ajuntamento formado à porta das instalações. "Os meios chegaram ao local para garantir que fossem observadas as distâncias de segurança", explicou a Câmara de Lisboa.
Lisboa Arroios questões sociais política autoridades locais sem-abrigo
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)