Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
8

Filmam agressão a aluna na escola

Uma aluna de 16 anos da Escola Secundária da Azambuja foi agredida por duas colegas, de 15 e 18 anos, no pátio da escola, devido a um comentário a uma fotografia na rede social Facebook. Um colega filmou as agressões com um telemóvel. As imagens já foram apagadas. Os pais da aluna agredida apresentaram queixa na GNR e esperam agora que a escola puna as agressoras.

14 de Fevereiro de 2012 às 01:00
António Pires, pai da aluna agredida, de 16 anos, apresentou queixa na GNR
António Pires, pai da aluna agredida, de 16 anos, apresentou queixa na GNR FOTO: Mariline Alves

"A minha filha foi agredida no dia 24 de Janeiro por duas colegas. Como se queixou com dores na cabeça, levámo-la ao centro de saúde da Azambuja e depois ao hospital de Vila Franca de Xira. Fez quatro radiografias e foram diagnosticados três hematomas na cabeça", revela António Pires, mostrando o recibo dos 108 euros relativos à urgência, documento que vai enviar para a direcção da escola, por considerar que cabe aos pais das alunas agressoras assumir a despesa. "Esperei alguns dias na esperança de que alguém viesse falar comigo. Como isso não aconteceu, apresentei queixa na GNR no dia 30 de Janeiro", explicou.

Ao CM, a direcção da escola garante que o processo disciplinar está concluído e que as agressoras serão suspensas, faltando apenas notificar os encarregados de educação.

AZAMBUJA ESCOLA AGRESSÃO FILMADAS
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)