Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
9

Hospitais algarvios sem ortopedistas nas Urgências

Doentes mais graves desviados para um hospital de Lisboa.
Rui Pando Gomes 2 de Abril de 2017 às 01:30
Urgências ficaram doze horas sem médicos ortopedistas durante a noite
Médicos
Médicos
Urgências ficaram doze horas sem médicos ortopedistas durante a noite
Médicos
Médicos
Urgências ficaram doze horas sem médicos ortopedistas durante a noite
Médicos
Médicos
Os hospitais algarvios voltaram a estar sem médicos ortopedistas nos serviços de Urgência durante doze horas, devido a uma falha nas escalas do Centro Hospitalar do Algarve (CHA). Os doentes que sofreram traumatismos graves tiveram de ser ‘desviados’ pelos bombeiros e INEM para unidades de saúde de Lisboa.

A falta de clínicos ocorreu, ao que o CM apurou, entre as 20h00 de sexta-feira e as 08h00 de ontem. Questionada pelo CM, fonte oficial do CHA confirmou "uma falha na escala de ortopedia", que foi resolvida ontem de manhã.

Segundo a mesma fonte, "todos os doentes que precisaram de cuidados mais diferenciados foram transportados para o Hospital de Santa Maria, em Lisboa, na sequência de um protocolo entre as unidades hospitalares".

A falta de clínicos desta especialidade já não é novidade e o CHA garantiu que estava a reforçar os recursos humanos.
INEM Centro Hospitalar do Algarve Urgência Hospital de Santa Maria Lisboa CHA saúde hospitais
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)