Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
5

Hospitais ligados a centros

Depois de Matosinhos, Norte Alentejano, Alto Minho, Baixo Alentejo e Guarda, segue-se a criação de mais Unidades Locais de Saúde (ULS) em 2009. Esta é a aposta do Ministério da Saúde mas, por enquanto, não avança com quantas mais unidades e em que regiões serão criadas.
22 de Dezembro de 2008 às 00:30
Ministério quer maior cooperação entre hospitais e centros de saúde
Ministério quer maior cooperação entre hospitais e centros de saúde FOTO: Francisco Barbeira/Lusa

O modelo de organização, iniciado em 1999, integra a gestão de várias unidades de saúde – hospitais e centros de saúde – de uma região para optimizar a resposta dos serviços.

Francisco Ramos, secretário de Estado Adjunto e da Saúde, afirmou que a organização em ULS não "conflitua" com outros modelos organizativos entretanto adoptados, como os Agrupamentos de Centros de Saúde (ACS), que vão ser criados a partir de Janeiro de 2009.

Os ACS ficam dotados de autonomia administrativa e agrupam vários centros de saúde sob uma única direcção, algo que já acontece nas ULS.

"O principal objectivo do Ministério da Saúde na concretização de vários modelos de organização da prestação de cuidados tem por base dois princípios fundamentais: aumentar o acesso dos cidadãos e gerir melhor os recursos disponíveis, com vista à obtenção de ganhos em saúde", afirmou Francisco Ramos.

O modelo responde a recomendações da OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económicos) para que se integrem os prestadores de cuidados de saúde, procurando reduzir a ineficiência e a duplicação de actos.

Assim, a integração deve permitir uma melhor utilização da capacidade instalada, quer a nível de equipamentos quer a nível dos recursos humanos.

Na prática, as Unidades Locais de Saúde transformam-se em entidades públicas empresariais (EPE), com autonomia administrativa, financeira e patrimonial, um conjunto de hospitais e centros de saúde limítrofes. 

APONTAMENTOS

MATOSINHOS, A PRIMEIRA

A ULS de Matosinhos integra o Hospital Pedro Hispano, o Centro de Diagnóstico Pneumológico, Unidade de Saúde Pública e os centros de saúde de Matosinhos, Senhora da Hora, São Mamede de Infesta e Leça da Palmeira.

GUARDA ABRANGE 171 MIL

A ULS da Guarda, criada em Outubro, dá resposta a 171 mil utentes e integra dois mil funcionários. Agrupa o Hospital Sousa Martins (Guarda), Hospital Nossa Senhora da Assunção (Seia) e doze centros de saúde da Guarda, com excepção de Aguiar da Beira e Vila Nova de Foz Côa.

COOPERAÇÃO

A Unidade Local de Saúde facilita a marcação de consultas de especialidades hospitalares nos centros de saúde e a instalação de alguns meios complementares de diagnóstico e terapêutica. Já as Unidades de Saúde Familiar têm um carácter mais operacional do que administrativo.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)