Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
2

Hospital das Caldas da Rainha tem mais 20 camas para doentes Covid-19

Nova enfermaria representa importante acréscimo de resposta face ao aumento de casos que se esperam nas próximas semanas.
Lusa 23 de Novembro de 2020 às 15:35
Urgência pediátrica do Hospital das Caldas da Rainha
Urgência pediátrica do Hospital das Caldas da Rainha FOTO: Carlos Barroso
O Hospital das Caldas da Rainha aumentou esta segunda-feira a capacidade de internamento com a abertura de mais 20 camas para doentes infetados pelo novo coronavírus, informou a administração do Centro Hospitalar do Oeste (CHO).

A partir de hoje estão disponíveis "mais 20 camas para doentes covid-19" para as quais "irão começar a ser transferidos doentes de outras unidades, com necessidade de internamento", disse à agência Lusa a presidente do Conselho de Administração (CA) do CHO, Elsa Baião.

A nova enfermaria representa "um importante acréscimo de resposta face ao aumento de casos que se esperam nas próximas semanas", sublinhou a administradora do centro hospitalar que integra as unidades de Caldas da Rainha e Peniche, no distrito de Leiria, e de Torres Vedras, no distrito de Lisboa.

O aumento de camas surge numa altura em que "o Hospital de Torres Vedras se encontra no limite da sua capacidade de internamento de doentes covid", num total de 23 camas, e que se regista igualmente "uma afluência maior às urgências não covid-19", disse Elsa Baião. Entretanto, hoje há já duas vagas.

Na sexta-feira, Elsa Baião tinha já anunciado, em declarações à agência Lusa, que o CHO pretende reforçar as camas para internamento de casos de infeção nos hospitais da região com a abertura de outras 27 numa nova enfermaria covid, a criar até ao final do ano em Torres Vedras, que se somam às 23 existentes.

Desde o início da pandemia, em março passado, foram também contratados 133 novos profissionais para fazer face ao acréscimo de atividades imposto pelo diagnóstico e tratamento da pandemia e o CHO "continua a desenvolver todos os esforços para contratar mais profissionais, para aumentar a capacidade de resposta dos serviços de saúde e garantir uma prestação de cuidados adequada às necessidades da população", disse a administradora.

O centro hospitalar prevê ainda, até final de dezembro, abrir uma nova enfermaria para doentes não covid-19, no Hospital de Peniche, onde estão atualmente a ser efetuadas obras de adaptação do espaço.

O Centro Hospitalar do Oeste integra os hospitais das Caldas da Rainha, Torres Vedras e Peniche, e detém uma área de influência constituída, a par destes três concelhos, pelas populações de Óbidos, Bombarral, Cadaval e Lourinhã e de parte dos municípios de Alcobaça (freguesias de Alfeizerão, Benedita e São Martinho do Porto) e de Mafra (com exceção das freguesias de Malveira, Milharado, Santo Estêvão das Galés e Venda do Pinheiro).

Portugal contabiliza pelo menos 3.897 mortos associados à covid-19 em 260.758 casos confirmados de infeção, segundo o último boletim da Direção-Geral da Saúde (DGS).

O país está em estado de emergência desde 09 de novembro e até 08 de dezembro, período durante o qual há recolher obrigatório nos concelhos de risco de contágio mais elevado.

Durante a semana, o recolher obrigatório tem de ser respeitado entre as 23:00 e as 05:00, enquanto nos fins de semana e feriados a circulação está limitada entre as 13:00 de sábado e as 05:00 de domingo e entre as 13:00 de domingo e as 05:00 de segunda-feira.

Mais informação sobre a pandemia no site dedicado ao coronavírus - Mapa da situação em Portugal e no Mundo. - Saiba como colocar e retirar máscara e luvas - Aprenda a fazer a sua máscara em casa - Cuidados a ter quando recebe uma encomenda em casa. - Dúvidas sobre coronavírus respondidas por um médico Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24
Ver comentários