Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
1

Hospital Garcia de Orta em Almada esgota camas para doentes Covid-19

Unidade hospitalar está atualmente no nível III do Plano de Contingência, com uma taxa de ocupação superior a 250%.
Correio da Manhã 16 de Janeiro de 2021 às 19:11
A carregar o vídeo ...
Hospital Garcia de Orta em Almada esgota camas para doentes Covid-19

O Hospital Garcia de Orta regista este sábado um crescimento dos doentes infetados com Covid-19 e voltou já a atingir a capacidade máxima de camas afetas a estes doentes.

Num comunicado enviado às redações, aquela unidade hospitalar tem este sábado 148 doentes internados em enfermaria, 18 em Unidade de Cuidados Intensivos e três doentes internados em Unidade de Hospitalização Domiciliária

"Mantém-se a enorme pressão assistencial, devido à elevada procura de doentes "Covid" e doentes "não Covid" e que dura há mais de 10 semanas, tendo o hospital de recorrer a transferências para outros hospitais do país", pode ler-se.

O Hospital Garcia de Orta está atualmente no nível III do Plano de Contingência, com uma taxa de ocupação superior a 250%, quer evitar um cenário de pré-catástrofe.

"O elevado esforço e dedicação dos seus profissionais que têm sido o fator determinante para assegurar as soluções adequadas aos doentes servidos pelo HGO, apesar dos níveis de exaustão que revelam. A falta de recursos humanos clínicos, sobretudo especializados, derivada de uma escassez dos mesmos, a que se juntam as elevadas taxas de absentismo, por isolamento ou doença assumem, neste momento, um constrangimento com impacto na atividade do Hospital", assume a unidade hospitalar.

Mais informação sobre a pandemia no site dedicado ao coronavírus - Mapa da situação em Portugal e no Mundo. - Saiba como colocar e retirar máscara e luvas - Aprenda a fazer a sua máscara em casa - Cuidados a ter quando recebe uma encomenda em casa. - Dúvidas sobre coronavírus respondidas por um médico Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24
Hospital Garcia de Orta Almada Covid-19 saúde hospitais doente hospitais pandemia coronavírus catástrofe
Ver comentários