Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
4

Javalis arrasam hortas em Loures

Mais de dois mil pés de couve e 1500 molhos de coentros e grelos destruídos.
Miguel Balança 22 de Outubro de 2019 às 07:58
Vitalina Jordão mostra os estragos causados pelos javalis em Loures
Vitalina Jordão mostra os estragos causados pelos javalis em Loures
Vitalina Jordão mostra os estragos causados pelos javalis em Loures
Vitalina Jordão mostra os estragos causados pelos javalis em Loures
Vitalina Jordão mostra os estragos causados pelos javalis em Loures
Vitalina Jordão mostra os estragos causados pelos javalis em Loures
Vitalina Jordão tem oito hectares de terra em Salemas, Loures, onde cultiva produtos hortícolas. A agricultura dá emprego a filhos e netos, cunhados e a outros que "são como família", diz Vitalina, 69 anos. Mas a subsistência está ameaçada.

A visita recorrente (sempre à noite) de javalis tem causado muitos prejuízos. Arrasam as hortas e destroem tudo. Vitalina contabiliza os prejuízos: "São mais de dois mil pés de couve, 1500 molhos de coentros e igual quantidade de grelos de nabo destruídos". E quando se planta tudo de novo, os javalis voltam e destroem.

"Chegam e reviram tudo, comem e destroem! Não conseguimos aguentar e, caso não se tomem medidas, daqui a um ano, a agricultura nesta zona acaba", prevê Vitalina, para quem cercar o terreno cultivado não é solução. "Os vizinhos puseram uma cerca e uns javalis passam por baixo, outros saltam", explica.

"Só as batidas vão conseguir conter esta epidemia. Mas a reserva de caça diz que não pode fazer nada [alegam que o terreno está próximo de casas]. É a única forma, até porque não podemos utilizar veneno; é proibido e nem sequer colocamos essa hipótese", diz a agricultora.

"Por enquanto, valem as estufas, em que eles não entram", refere Vitalina. Mas a agricultora receia que seja "sol de pouca dura". "Já estiveram à entrada de uns estufins [mais pequenos] - vimos lá as marcas dos focinhos. Se lhes ‘der ‘ para entrar, acabam por completo com a agricultura. Hoje, só conseguimos sobreviver debaixo da estufa", confessa.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)