Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
4

Jovem com fibrose quística angaria dinheiro para medicamento mas SNS é entrave para compra

Pai de Constança admite transferir a filha para um privado de forma a comprar Kaftrio.
Correio da Manhã 8 de Março de 2021 às 01:30
Constança Bradell
Constança sofre de fibrose quística
'Não quero morrer, quero viver!': Constança tem 24 anos e sofre de uma doença rara incurável
Constança Bradell
Constança sofre de fibrose quística
'Não quero morrer, quero viver!': Constança tem 24 anos e sofre de uma doença rara incurável
Constança Bradell
Constança sofre de fibrose quística
'Não quero morrer, quero viver!': Constança tem 24 anos e sofre de uma doença rara incurável
Cerca de 13 mil pessoas juntaram-se à causa de Constança Braddell e fizeram doações online para que a jovem de 24 anos, doente de fibrose quística, conseguisse angariar os 192 mil euros necessários para comprar um medicamento que lhe pode salvar a vida.

Internada no Hospital Pulido Valente, em Lisboa, em estado de grande fragilidade, Constança fez um pedido de ajuda nas redes sociais para comprar um medicamento que ainda não está aprovado em Portugal. Alcançou o objetivo em menos de 48 horas.

Pedro Salvador Marques, pai de Constança Braddell, que sofre de fibrose quística, disse este domingo na CMTV que há dificuldade em comprar o medicamento Kaftrio, devido ao facto de Constança estar num hospital público e o dinheiro já doado ser a título particular. Ou seja, o Kaftrio teria de ser comprado pelo SNS.

Para resolver o impasse, o pai admite transferir a filha para um privado e usar o dinheiro angariado.

Ao CM, o Hospital Santa Maria diz que dará novos dados sobre medicamentos inovadores "nos próximos dias".
Constança Constança Braddell Portugal Hospital Pulido Valente Lisboa questões sociais
Ver comentários