Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade

Lar residencial de Leiria com 12 utentes infetados com coronavírus

Três das cinco funcionárias também testaram positivo.
Lusa 14 de Janeiro de 2021 às 17:11
A carregar o vídeo ...
Lar residencial de Leiria com 12 utentes infetados com coronavírus
O lar residencial da Cercilei - Cooperativa de Ensino e Reabilitação de Crianças Inadaptadas de Leiria tem os 12 utentes infetados com SARS-CoV-2, disse esta quinta-feira à agência Lusa a presidente da instituição.

Cristina Meireles referiu que três das cinco funcionárias também testaram positivo ao novo coronavírus.

"Apesar de todos os cuidados extremos que temos tido, temos os 12 utentes infetados. O alerta foi dado quando uma utente surgiu com febre. Ligámos para a Saúde 24, que mandou colocá-la em isolamento. Como não foi possível, levámo-la ao hospital, onde lhe fizeram o teste", revelou a responsável.

Segundo Cristina Meireles, de imediato todos os utentes e funcionários foram testados. "A diretora técnica deu negativo, mas vai repetir o teste esta sexta-feira.

A utente que foi para o hospital continua internada, tendo tido necessidade de suporte de oxigénio, mas "está a reagir bem".

"Um dos utentes é funcionário na cozinha da sede e preocupou-nos o possível contágio com os restantes elementos. Mandámos testar todos e, felizmente, estão negativos", contou ainda.

A presidente da Cercilei salientou a disponibilidade de uma das funcionárias infetadas, que decidiu cumprir o isolamento na residencial com os utentes, trabalhando diariamente.

"Estou-lhe muito agradecida. Essa monitora é espetacular. Vale ouro. Sozinha não conseguiria fazer tudo, pelo que temos tido o apoio de outras, que têm ido à residencial devidamente equipados."

"Neste momento, testámos 50 pessoas e vamos testar outras 50. Ultimamente nem todos têm vindo à Cercilei. Apesar de estarem em Amor, por precaução também iremos testar esses utentes", esclareceu Cristina Meireles.

Os utentes têm estado em isolamento desde março. "Já estavam a ficar com problemas emocionais e no final do ano recomeçámos algumas atividades, uma vez por semana."

Cristina Meireles afirmou ainda que comunicou a todos os pais e "não há alarmismo".

"Temos tido apenas casos pontuais. Apesar disto, fico satisfeita por termos sido das últimas instituições a ser visitadas pelo inimigo", rematou.

A Cercilei tem um total de 90 utentes na valência de Centro de Atividades Ocupacionais (CAO), 12 na residencial de Leiria e nove na residencial de Amor (concelho de Leiria).

Ver comentários