Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
2

Libertados após cuspirem na GNR em Vila do Bispo

Casal foi detido por resistência e coação e presente ao Tribunal de Lagos.
Rui Pando Gomes 2 de Abril de 2020 às 08:36
Tribunal de Lagos
Tribunal de Lagos FOTO: Pedro Noel da Luz

Um homem belga e uma mulher italiana que vivem numa autocaravana foram detidos pela GNR, em Vila do Bispo, depois de tentarem agredir e cuspirem para cima dos militares. A mulher alegou que estava infetada com Covid-19.

O incidente ocorreu no domingo junto a um supermercado, em Budens. Segundo o CM apurou, a GNR foi alertada para uma situação de desacatos. Quando os militares chegaram foram recebidos com violência.

O casal, que tinha na sua posse 8,60 gramas de canábis, foi detido por resistência e coação sobre funcionário. No dia seguinte foi libertado pelo Tribunal de Lagos, sujeito a termo de identidade e residência. Quatro militares ficaram em quarentena e aguardam pela realização de testes de despistagem do vírus.

GNR Vila do Bispo Vila do Bispo crime lei e justiça polícia crime
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)