Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade

Linces livres no próximo Inverno

'Janes' e 'Juromenha', crias de lince-ibérico que nasceram há 69 dias no Centro Nacional de Reprodução em Cativeiro do Lince Ibérico, em Silves, deram ontem as boas-vindas à ministra da Agricultura e Ambiente, Assunção Cristas.

13 de Maio de 2012 às 01:00
Assunção Cristas defendeu a importância da reintrodução do lince-ibérico no seu meio natural
Assunção Cristas defendeu a importância da reintrodução do lince-ibérico no seu meio natural FOTO: Luís Forra/Lusa

Numa visita ‘semioficial’, Assunção Cristas, acompanhada dos três filhos, tomou contacto directo com o projecto e assistiu ao balanço dos quatro anos do Plano de Acção com vista à conservação daquele que é considerado o felino mais ameaçado do Mundo, tendo revelado que a reintrodução dos primeiros animais no seu meio natural "deverá ocorrer já no próximo Inverno, entre Janeiro e Março de 2013", em "vários locais do País que estão a ser preparados nesse sentido, como é o caso de Moura".

‘Janes’ e ‘Juromenha’ não estão, contudo, entre os 15 linces que poderão ser libertados: as pequenas fêmeas foram abandonadas pela mãe e estão a ser alimentadas à mão pelos técnicos do centro, o que permitiu à governante um contacto directo.

"Este é um trabalho notável", frisou Assunção Cristas, que destacou a colaboração entre Portugal e Espanha e se mostrou confiante no futuro da espécie.

LINCES SILVES ASSUNÇÃO CRISTAS AMBIENTE MINISTRA
Ver comentários