Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
7

Luz verde para feiras e grupos de dez pessoas em Lisboa

Governo avança com redução de medidas restritivas nas 19 freguesias mais atingidas pela pandemia na AML.
João Saramago 28 de Julho de 2020 às 01:30
Mercados e feiras nas 19 freguesias com medidas mais restritivas vão poder reabrir
Mercados e feiras nas 19 freguesias com medidas mais restritivas vão poder reabrir FOTO: Pedro Catarino
O fim do estado de calamidade, no combate à pandemia de Covid-19, em 19 freguesias dos concelhos de Lisboa, Amadora, Sintra, Odivelas e Loures deverá ocorrer nos primeiros 15 dias de agosto, apurou o CM. A passagem à situação de contingência leva a que os grupos de pessoas se possam alargar de cinco a dez elementos. Também vai ser permitido o regresso das feiras e mercados (foram suspensas no dia 25 de junho).

“Vamos manter a vigilância muito ativa”, referiu esta segunda-feira o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, após reunião com os autarcas dos cinco concelhos. O ministro acrescentou que irão continuar restrições que são muito importantes para controlar a pandemia, como o encerramento dos estabelecimentos comerciais às 20 horas e às 22 horas dos supermercados. Em vigor permanece a proibição do consumo de bebidas alcoólicas na via pública.

A passagem à situação de contingência resulta da redução dos novos casos num mês. “Passámos de 350 para 400 casos diários para 170 casos”, acrescentou Eduardo Cabrita. Por sua vez, o presidente da Câmara de Sintra, Basílio Horta, explicou que a redução de casos resultou de “um maior apoio à população”.

As 19 freguesias abrangidas são Santa Clara (Lisboa); Queluz e Belas, Massamá e Monte Abraão, Cacém e São Marcos, Agualva e Mira Sintra, Algueirão-Mem Martins e Rio de Mouro (Sintra); Sacavém e Prior Velho, Camarate, Unhos e Apelação (Loures) e todas as freguesias de Odivelas e Amadora.
Mais informação sobre a pandemia no site dedicado ao coronavírus - Mapa da situação em Portugal e no Mundo. - Saiba como colocar e retirar máscara e luvas - Aprenda a fazer a sua máscara em casa - Cuidados a ter quando recebe uma encomenda em casa. - Dúvidas sobre coronavírus respondidas por um médico Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24
Ver comentários