Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
3

Mais de 11 mil suspeitas de reações adversas às vacinas Covid-19 registadas em Portugal

Foram notificadas 11.314 reações adversas (uma por cada mil vacinas administradas), a maior parte referentes à vacina da Pfizer/BioNtech.
Lusa 27 de Julho de 2021 às 07:59
Vacinação
Vacinação FOTO: CMTV
Mais de 11.300 suspeitas de reações adversas às vacinas contra a Covid-19 foram registadas em Portugal e houve 68 casos de morte comunicados em idosos, mas não está demonstrada a relação causa-efeito, segundo o Infarmed.

De acordo com o último relatório a Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde, até ao dia 22 de julho foram notificadas 11.314 reações adversas (uma por cada 1.000 vacinas administradas), a maior parte (6.485) referentes à vacina da Pfizer/BioNtech (Comirnaty), seguindo-se a da AstraZeneca (Vaxzevria), com 3.480, a da Moderna (Spikevax), com 970, e a da Janssen, com 379 casos.

O Infarmed sublinha, contudo que é preciso conhecer o resultado das análises qualitativas e quantitativas feitas às ocorrências registadas para que se possa estabelecer "a existência de uma relação causal definitiva entre uma suspeita de RAM [Reação Adversa a Medicamento] e a administração de uma vacina contra a covid-19".

Ver comentários