Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
9

Mais de cinco mil milhões de pessoas não terão acesso a cuidados de saúde em 2030

OMS alertou que os países devem aumentar o gasto com a saúde em pelo menos 1% do PIB.
Lusa 22 de Setembro de 2019 às 13:31
Médicos
Médicos
Médicos
Médicos
Médicos
Médicos
Médicos
Médicos
Médicos

Mais de cinco mil milhões de pessoas continuarão a não ter acesso a cuidados de saúde em 2030, se o investimento continuar a ser insuficiente, advertiu a Organização Mundial de Saúde (OMS).

Num relatório divulgado na véspera do debate, na Assembleia Geral das Nações Unidas, sobre a adoção da Declaração sobre Cobertura Universal de Saúde, a OMS alertou que os países devem aumentar o gasto com a saúde em pelo menos 1% do Produto Interno Bruto (PIB) para atingir a meta da universalidade até 2030.

A OMS destaca ainda que "a maioria daquelas pessoas são pobres e desfavorecidos".

OMS Organização Mundial de Saúde política organizações internacionais
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)