Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
8

Sete distritos sob aviso laranja devido a ondas até seis metros

Tempo vai continuar chuvoso, com muito vento e neve acima dos mil metros.
Lusa 15 de Março de 2018 às 06:53
Mau tempo
Ondas, mar agitado, Foz do Douro
Ondas
Mau tempo
Ondas, mar agitado, Foz do Douro
Ondas
Mau tempo
Ondas, mar agitado, Foz do Douro
Ondas
Sete distritos do continente estão esta quinta-feira sob aviso laranja devido à previsão de agitação marítima forte, com ondas de sudoeste com 5 a 6 metros, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

De acordo com o Instituto, os distritos de Viana do Castelo, Braga, Porto, Aveiro, Leiria, Coimbra e Lisboa vão estar sob aviso laranja até às 18h00 de hoje, passando depois a aviso amarelo até sábado.

O aviso laranja indica uma situação meteorológica de risco moderado a elevado.

O IPMA colocou sob aviso amarelo, também devido à agitação marítima os distritos de Setúbal, Beja e Faro até às 18:00 de sábado.

Por causa da agitação marítima e de acordo com a Marinha Portuguesa, estão hoje fechadas à navegação as barras de Caminha, Vila Praia de Âncora, Esposende, Póvoa do Varzim, Vila do Conde, Douro, São Martinho do Porto e Ericeira.

Segundo a Marinha, as barras marítimas de Viana do Castelo, Aveiro, Figueira da Foz, Faro e Olhão estão condicionadas à navegação.

O IPMA colocou ainda sob aviso amarelo os distritos de Viana do Castelo, Braga, Vila Real, Bragança, Viseu e Guarda até às 11h00 de sexta-feira devido à queda de neve acima de 800 metros de altitude.

Viana do Castelo e Braga estão ainda sob aviso amarelo até às 18h00 de hoje devido à previsão de chuva por vezes forte e acompanhada de granizo e trovoadas.

O aviso amarelo é emitido sempre que há situação de risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica.

Na quarta-feira, a Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) alertou para o agravamento das condições meteorológicas nos próximos dias, com previsão de aumento da agitação marítima, com chuva pontualmente forte, trovoada, vento igualmente forte e queda de neve.

A ANPC refere que devido ao agravamento das condições meteorológicas podem ocorrer danos em estruturas, queda de árvores, cheias rápidas em meio urbano, formação de lençóis de água, desabamentos ou acidentes na orla costeira, aconselhando a população a adotar os comportamentos adequados.

O IPMA prevê para esta quinta-feira no continente períodos de céu muito nublado, apresentando-se geralmente muito nublado nas regiões Norte e Centro, aguaceiros, que poderão ser pontualmente fortes, de granizo e acompanhados de trovoada nas regiões Norte e Centro.

Está também prevista queda de neve acima de 1000/1200 metros, descendo gradualmente a cota para 800/1000 metros nas regiões Norte e Centro.

A previsão aponta ainda para vento fraco a moderado do quadrante oeste, soprando moderado a forte nas terras altas com rajadas até 80 quilómetros por hora, e temporariamente na faixa costeira ocidental com rajadas até 60 quilómetros por hora, diminuindo de intensidade a partir do final da tarde.

Está ainda prevista uma descida da temperatura mínima.

As temperaturas mínimas no Continente vão oscilar entre 1 grau (na Guarda) e os 10 (em Faro e em Faro) e as máximas entre 7 graus Celsius (na Guarda) e os 17 (em Faro).
Ver comentários