Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
9

Meningite lança alarme em bombeiros

Uma equipa de dois elementos dos Bombeiros Voluntários de Vila Real de Santo António (VRSA) foi medicada com antibióticos profiláticos como forma preventiva por ter transportado uma idosa de cerca de 75 anos que veio a morrer com meningite no Hospital de Faro.
17 de Fevereiro de 2009 às 00:01

Ao que o CM apurou, a infecção viral só foi detectada depois da realização da autópsia, no sábado, um dia a seguir ao transporte. O marido da idosa foi imediatamente chamado para fazer exames mas ainda não há resultados que confirmem se está infectado.

O CM sabe que também a equipa de médicos e enfermeiros que contactou com a doente no Serviço de Urgência Básica (SUB) do Centro de Saúde de VRSA foi medicada e que vão ser feitos exames para despistagem da doença. A equipa de bombeiros que transportou o marido da idosa também pode vir a ser medicada. Paulo Simões, comandante dos bombeiros de VRSA, assegurou ao CM que "a equipa está a ser medicada apenas por precaução" e que no dia do transporte "não existia suspeita da doença". O delegado de saúde já autorizou a entrada de familiares na casa da idosa.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)