Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
1

Mentira de técnicas da Segurança Social tira duas filhas a mãe em Cascais

Tribunal mandou julgar funcionárias da Segurança Social por falsidade de testemunho e prevaricação.
Magali Pinto 6 de Novembro de 2019 às 09:10
Ana Maximiano fez greve de fome como forma de protesto
Segurança Social
Instituto da Segurança Social
Ana Maximiano fez greve de fome como forma de protesto
Segurança Social
Instituto da Segurança Social
Ana Maximiano fez greve de fome como forma de protesto
Segurança Social
Instituto da Segurança Social
Ana Maximiano ficou sem a guarda das duas filhas de dois e quatro anos em dezembro de 2015. Viu as meninas serem entregues ao pai, condenado por violência doméstica agravada. Ana chegou a fazer greve de fome como forma de protesto.  

Foi acusada - sabe-se agora, injustamente - de ter abandonado uma das filhas num café, quando apenas se dirigiu para dentro da escola onde estava a outra filha. Na altura, Ana Maximiano tinha um dispositivo eletrónico que lhe permitia perceber quando o seu agressor estava por perto.

Este episódio acabou por ser o início de uma batalha que termina agora com duas técnicas da Segurança Social pronunciadas, por ordem do tribunal da Relação, de falsidade de depoimento ou testemunho e ainda denegação de justiça ou prevaricação.

As duas técnicas elaboraram um ofício que mandaram para o tribunal dizendo que Ana Maximiano tinha abandonado a filha e que pretendia fugir com as crianças.

Os juízes desembargadores referem que "as arguidas fizeram crer que as meninas passavam perigo, sabendo que os factos invocados eram falsos. Visavam a retirada das crianças à mãe causando-lhe sofrimento".

Tudo para beneficiarem o pai. Gameiro Fernandes, advogado de Ana, disse que "esta decisão é histórica. É a primeira vez que técnicas da Segurança Social são levadas a julgamento".
Cascais Ana Maximiano Segurança Social crime lei e justiça questões sociais tribunal
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)