Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
3

Milhares de professores podem ficar desempregados

A Federação Nacional dos Professores (Fenprof) alertou esta quinta-feira, durante um protesto em frente ao ministério da Educação, para a possibilidade de milhares de professores ficarem desempregados em Setembro, com a eliminação de horários de trabalho e a criação dos mega-agrupamentos.
31 de Março de 2011 às 17:05
Mário Nogueira diz que a legislação foi "publicada sem negociação"
Mário Nogueira diz que a legislação foi 'publicada sem negociação' FOTO: Lusa

Na quarto protesto em duas semanas, apelidado de 'manifestódromo', o secretário-geral da Fenprof, Mário Nogueira, lembrou novamente o risco de desemprego que correm "milhares e milhares" de docentes se for para a frente a proposta de eliminar 30 mil horários, juntamente com a continuação da fusão de agrupamentos escolares.

A nova organização de horários transfere para a componente não lectiva dos professores um conjunto de tarefas, funções e cargos que tinham redução de componente lectiva.

Esta organização, de acordo com Mário Nogueira, vai tornar "completamente impossível o cumprimento de 35 horas porque os professores vão ter de fazer 60 horas ou mais por semana para poderem fazer tudo o que lhes está atribuído, corrigir testes, preparar aulas e participar em reuniões". 

O sindicalista criticou que a legislação tenha sido "publicada sem negociação" e lembrou que, 17 meses depois da tomada de posse da ministra da Educação e desta ter dito que os horários dos docentes estavam demasiado preenchidos, o Governo sai e deixa "horários ainda mais agravados para os professores".

"Esta medida faz parte do conjunto de aspectos que vamos entregar no Sábado, no final da marcha, aos partidos políticos, para que o futuro Governo tenha esta preocupação logo à cabeça".

Os mega-agrupamentos, o encerramento de escolas, os cortes de financiamento, as novas regras para elaboração de horários e a ameaça de desemprego para os professores são preocupações que motivam o protesto.

Fenprof Mário Nogueira professores horários desemprego
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)