Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
4

Moção ‘CM Não Esquece’ é entregue ao Governo

Tragédia de 2017, com mais de 100 mortos e 500 mil hectares de área ardida, não pode repetir-se.
Janete Frazão 21 de Março de 2019 às 18:55
Entrega da Moção CM Não Esquece!
Entrega da Moção CM Não Esquece!
Entrega da Moção CM Não Esquece!
Entrega da Moção CM Não Esquece!
Entrega da Moção CM Não Esquece!
Entrega da moção foi realizada no gabinete do ministro Eduardo Cabrita
Entrega da moção foi realizada no gabinete do ministro Eduardo Cabrita
Entrega da moção foi realizada no gabinete do ministro Eduardo Cabrita
Entrega da moção foi realizada no gabinete do ministro Eduardo Cabrita
Entrega da moção foi realizada no gabinete do ministro Eduardo Cabrita
Entrega da moção foi realizada no gabinete do ministro Eduardo Cabrita
Director-geral Editorial da Cofina, Octávio Ribeiro, cumprimenta o Ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita
Diretor-Geral Editorial da Cofina na presença do Ministro da Administração Interna
Diretor-Geral Editorial da Cofina na presença do Ministro da Administração Interna
Moção CM Não Esquece! Juntos Contra os Incêndios
Entrega da Moção CM Não Esquece!
Entrega da Moção CM Não Esquece!
Entrega da Moção CM Não Esquece!
Entrega da Moção CM Não Esquece!
Entrega da Moção CM Não Esquece!
Entrega da moção foi realizada no gabinete do ministro Eduardo Cabrita
Entrega da moção foi realizada no gabinete do ministro Eduardo Cabrita
Entrega da moção foi realizada no gabinete do ministro Eduardo Cabrita
Entrega da moção foi realizada no gabinete do ministro Eduardo Cabrita
Entrega da moção foi realizada no gabinete do ministro Eduardo Cabrita
Entrega da moção foi realizada no gabinete do ministro Eduardo Cabrita
Director-geral Editorial da Cofina, Octávio Ribeiro, cumprimenta o Ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita
Diretor-Geral Editorial da Cofina na presença do Ministro da Administração Interna
Diretor-Geral Editorial da Cofina na presença do Ministro da Administração Interna
Moção CM Não Esquece! Juntos Contra os Incêndios
Entrega da Moção CM Não Esquece!
Entrega da Moção CM Não Esquece!
Entrega da Moção CM Não Esquece!
Entrega da Moção CM Não Esquece!
Entrega da Moção CM Não Esquece!
Entrega da moção foi realizada no gabinete do ministro Eduardo Cabrita
Entrega da moção foi realizada no gabinete do ministro Eduardo Cabrita
Entrega da moção foi realizada no gabinete do ministro Eduardo Cabrita
Entrega da moção foi realizada no gabinete do ministro Eduardo Cabrita
Entrega da moção foi realizada no gabinete do ministro Eduardo Cabrita
Entrega da moção foi realizada no gabinete do ministro Eduardo Cabrita
Director-geral Editorial da Cofina, Octávio Ribeiro, cumprimenta o Ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita
Diretor-Geral Editorial da Cofina na presença do Ministro da Administração Interna
Diretor-Geral Editorial da Cofina na presença do Ministro da Administração Interna
Moção CM Não Esquece! Juntos Contra os Incêndios
A tragédia de 2017, com mais de 100 mortos e 500 mil hectares de área ardida, não pode repetir-se. Foi desta convicção que nasceu a iniciativa ‘O CM não Esquece! - Juntos contra os Incêndios’, cuja moção foi esta quinta-feira entregue pelo CM e CMTV ao Governo.

"É um documento que dá voz a dezenas de especialistas e a pessoas que vivem em locais onde os incêndios mais acontecem. Foi esse acervo que deu origem a esta moção. Desejo agora muita sorte ao ministro porque no tema dos incêndios os portugueses estão claramente todos do mesmo lado", referiu Octávio Ribeiro, diretor geral editorial do CM e da CMTV.

"Desejamos ainda que se repita em 2019 o cenário de 2018, com zero mortes, porque isso é o mais importante, é não perder vidas humanas e perder o mínimo de hectares de floresta", acrescentou Octávio Ribeiro, com a promessa de continuar "a noticiar, alertar e escrutinar o trabalho neste setor".

Já Eduardo Cabrita, ministro da Administração Interna, aplaudiu a iniciativa e revelou o plano de combate aos incêndios para este ano. "Em 2018 tivemos números encorajadores, com menos 68% de área ardida, mas isso não nos faz abrandar. Queremos reduzir o risco de queimas e queimadas e teremos reposição de meios. Nos Bombeiros, decidimos criar mais 40 equipas profissionais", adiantou.

Depois dos incêndios de 2017, o Correio da Manhã recolheu centenas de propostas dos portugueses sobre como prevenir novas tragédias e debateu-as em 15 conferências por todo o país. O resultado é a moção que foi hoje entregue ao Governo.

O documento apresenta cinco propostas: Criminalização dos incendiários, vigilância dos territórios e intervenção das forças militares, ordenamento florestal e desenvolvimento económico do interior, limpeza das matas e educação, formação e sensibilização.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)