Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
9

Novo tratamento para tumores identificado

Identificadas diversas proteínas que ajudam invasão tumoral.
João Mira Godinho 12 de Dezembro de 2017 às 08:50
Estudo desenvolvido por equipa do Centro de Investigação em Biomedicina da Universidade do Algarve
Laboratório
Estudo desenvolvido por equipa do Centro de Investigação em Biomedicina da Universidade do Algarve
Laboratório
Estudo desenvolvido por equipa do Centro de Investigação em Biomedicina da Universidade do Algarve
Laboratório
Uma equipa do Centro de Investigação em Biomedicina da Universidade do Algarve identificou "novos alvos terapêuticos para o tratamento do gliobastoma multiforme", foi esta segunda-feira anunciado. Este tipo de tumor cerebral é o mais comum e com taxa de mortalidade mais elevada.

O trabalho, desenvolvido em conjunto com o Brain Tumour Research Center, da Universidade de Portsmouth, no Reino Unido, concluiu que existem "diversas proteínas celulares" que promovem a invasão tumoral, neste tipo de tumores cerebrais.

Tendo como certo que a invasão tumoral é a principal causa de morte para os pacientes com gliobastoma multiforme e, ao mesmo tempo, o principal obstáculo ao tratamento, essas proteínas agora identificadas "devem ser apontadas como potenciais alvos terapêuticos para o tratamento da doença", defende o estudo, publicado na revista ‘Cells’.

"Alguns agentes quimioterapêuticos estão já a ser testados em ensaios clínicos", revela a Universidade do Algarve.

O tratamento para o gliobastoma multiforme não é alterado desde 2005, sendo que se trata de um cancro "cujo prognóstico dos pacientes é bastante reservado, com um tempo médio de vida de apenas 15 a 17 meses"

A atual terapia aplicada aos doentes envolve, quando possível, cirurgia, seguida de radioterapia e quimioterapia, "verificando-se, na maior parte das vezes, uma resistência aos tratamentos, que leva à reincidência da doença", explica, ainda, a Universidade do Algarve.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)