Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
8

Odemira debateu acidentes em meio aquático

Iniciativa juntou centena e meia de operacionais da área do socorro.
Joaquim Bernardo 9 de Novembro de 2019 às 19:41
Odemira debateu acidentes em meio aquático
Odemira debateu acidentes em meio aquático
Odemira debateu acidentes em meio aquático
Odemira debateu acidentes em meio aquático
Odemira debateu acidentes em meio aquático
Odemira debateu acidentes em meio aquático
Odemira debateu acidentes em meio aquático
Odemira debateu acidentes em meio aquático
Odemira debateu acidentes em meio aquático
Odemira debateu acidentes em meio aquático
Odemira debateu acidentes em meio aquático
Odemira debateu acidentes em meio aquático

Falta de meios e de uma cultura de segurança da população são as principais conclusões do seminário "acidentes em meio aquático" que juntou este sábado centena e meia de operacionais da área do socorro em Odemira.

Luís Oliveira comandante dos bombeiros de Odemira, afirmou que "a falta de uma cultura de segurança da população que muitas vezes corre riscos desnecessários e a falta de meios humanos e materiais para fazer fase a um concelho que tem mais de 50 quilómetros de costa, são as nossas maiores preocupações."

Já Rui Filipe, Capitão do Porto de Sines, acrescentou que "caso haja nadadores salvadores disponíveis deve-se pensar em alargar a época balnear", que actualmente decorre entre 15 de Junho e 15 de Setembro.

A Capitania do Porto de Sines "está equipada com meios para ocorrer a qualquer ocorrência durante as 24 horas do dias", afirmou o mesmo responsável.

Com cerca de 50 km de costa atlântica, com escarpas e falésias, dezenas de praias e areais isolados, com grande presença humana para fruição balnear, caminhadas e pesca desportiva, o litoral odemirense a par da albufeira de Santa Clara e o rio Mira são foco de preocupação para os agentes de socorro e protecção civil.

Durante este ano já morreram quatro pessoas nas praias do concelho Odemira, todos os casos ocorreram fora da época balnear. Até ao dia 15 de Outubro morreram 19 pessoas nas praias portuguesas. O seminário foi organizado pelos bombeiros de Odemira.

Odemira questões sociais suicídio assistido e eutanásia
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)