Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
7

Oposição a doentes com sida nos centros de saúde

Centros de saúde vão ter apenas cuidados de saúde primários para o diagnóstico precoce.
Cristina Serra 28 de Outubro de 2014 às 14:16
O estudo foi apresentado esta terça-feira em Lisboa
O estudo foi apresentado esta terça-feira em Lisboa FOTO: Mariline Alves

O tratamento dos doentes de sida não deve ser transferido dos hospitais para os centros de saúde, conclui um estudo da Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP), apresentado esta terça-feira, em Lisboa.

O estudo da ENSP contou com o contributo de 294 peritos de diferentes áreas profissionais, entre médicos, administradores hospitalares, associações de doentes, farmacêuticos, enfermeiros, professores universitários e diversos organismos do Ministério da Saúde.

Segundo as conclusões do estudo, é consensual (70% das opiniões) que não se deve equacionar a transferência dos doentes para o médico de medicina geral e familiar mesmo "com menor complexidade de tratamento".

No entanto, os peritos consideraram consensual (87,1%) a importância dos cuidados de saúde primários para o diagnóstico precoce. O tratamento é reservado aos hospitais.

sida saúde centros de saúde hospitais
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)