Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
6

Pais acusam Ministério de recusar professor

Encarregados de Educação de 28 alunos da Escola Secundária Sebastião da Gama (Setúbal), que reprovaram a Físico-Química do 11º ano, acusam o Ministério da Educação de inviabilizar a contratação de um professor para leccionar a disciplina naquela escola de Setúbal.
5 de Dezembro de 2010 às 00:30
Pais reclamam professor de Físico-Química para 28 alunos
Pais reclamam professor de Físico-Química para 28 alunos FOTO: direitos reservados

"São alunos que à partida já têm dificuldades nesta disciplina, porque senão não tinham ficado retidos, e que vão ter de se propor a exame como externos", disse a mãe de um aluno, convicta de que a decisão do Ministério da Educação tem "razões meramente economicistas".

José Carlos Sousa, coordenador da Equipa de Apoio às Escolas da Península de Setúbal Sul, disse que para os alunos terem aulas é necessária luz verde superior para a contratação, o que até agora ainda não aconteceu.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)