Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
6

Palmas e flores para padre espancado

Paroquianos de Lamego receberam sacerdote este domingo em clima de festa.
Patrícia Moura Pinto 28 de Maio de 2018 às 08:00
Padre Bouça Pires foi ontem recebido com flores e palmas em Cambres
Padre Bouça Pires foi ontem recebido com flores e palmas em Cambres FOTO: Nuno André Ferreira
O padre agredido em Cambres, Lamego, por um popular a 20 de maio, no final da missa, foi este domingo alvo de uma manifestação de carinho e solidariedade protagonizada pelas gentes da vila que se emocionaram dentro e fora da igreja.

Dezenas de fiéis reuniram-se em frente da igreja matriz da freguesia e, à sua chegada, entregaram flores ao padre Bouça Pires, bateram palmas e deram-lhe numerosos abraços. Muitos choraram. Emocionado, o padre afirmou nunca ter duvidado "do amor" do seu povo e garantiu, mais uma vez, que o ato de agressão exercido sobre si "se circunscreve a um episódio isolado".

Teresa Duarte era uma das devotas que "aguardava ansiosamente" pelo dia de ontem. "O senhor padre tem feito muito bem às nossas gentes e queremos provar a vontade que temos de que ele continue a ser o nosso pároco". O padre garantiu que vai continuar na paróquia.
Cambres Pires padre Lamego Bouça Teresa Duarte religião
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)