Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
6

Papa assinala quatro anos a derrubar muros

Francisco desenvolve ações para aproximar a Igreja dos mais pobres e excluídos.
João Saramago 13 de Março de 2017 às 08:41
A carregar o vídeo ...
Francisco desenvolve ações para aproximar a Igreja dos mais pobres e excluídos.
O Papa Francisco, de 80 anos, assinala hoje quatro anos de pontificado. À frente dos destinos da Igreja Católica, o Sumo Pontífice sublinhou a necessidade de se construírem "pontes" no lugar de "muros". No diálogo com outras religiões, na cidade de Assis, foi assinada, em setembro último, uma declaração conjunta pela paz que rejeita o terrorismo.

Face ao problema dos refugiados, o Papa assumiu uma posição de abertura. Para dar maior visibilidade a este assunto, poucos meses após a eleição deslocou-se à ilha italiana de Lampedusa. Mais recentemente visitou a ilha grega de Lesbos, de onde partiu acompanhado por alguns refugiados.

Francisco tem também desenvolvido ações em defesa dos mais pobres e das vítimas de exploração. Ontem, recordou a morte de 19 meninas num orfanato da Guatemala. As vítimas terão, alegadamente, escolhido o Dia da Mulher para protestarem contra os abusos sexuais e físicos infligidos no orfanato e lançaram fogo às instalações.

Na organização da Igreja, o Papa apresentou em dezembro último 12 critérios-guia para a reforma da Cúria Romana, pedindo mais espaço para leigos e para as mulheres. Em abril, no texto intitulado ‘A Alegria do Amor’, o Papa falou da integração e do acolhimento a homossexuais e a divorciados.
Papa francisco muros igraja fiéis católica
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)