Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
7

Peregrinos confrontados com “maior inimigo do Mundo”

Milhares participaram este sábado na Procissão do Adeus, que encerra o calendário de peregrinações aniversárias.
José Durão 14 de Outubro de 2018 às 01:30
Milhares de fiéis encheram ontem o recinto do Santuário de Fátima para a última peregrinação aniversária deste ano
Milhares de fiéis encheram ontem o recinto do Santuário de Fátima para a última peregrinação aniversária deste ano
Fiéis
Milhares de fiéis encheram ontem o recinto do Santuário de Fátima para a última peregrinação aniversária deste ano
Milhares de fiéis encheram ontem o recinto do Santuário de Fátima para a última peregrinação aniversária deste ano
Milhares de fiéis encheram ontem o recinto do Santuário de Fátima para a última peregrinação aniversária deste ano
Milhares de fiéis encheram ontem o recinto do Santuário de Fátima para a última peregrinação aniversária deste ano
Milhares de fiéis encheram ontem o recinto do Santuário de Fátima para a última peregrinação aniversária deste ano
Fiéis
Milhares de fiéis encheram ontem o recinto do Santuário de Fátima para a última peregrinação aniversária deste ano
Milhares de fiéis encheram ontem o recinto do Santuário de Fátima para a última peregrinação aniversária deste ano
Fiéis
Milhares de fiéis encheram ontem o recinto do Santuário de Fátima para a última peregrinação aniversária deste ano
Milhares de fiéis encheram ontem o recinto do Santuário de Fátima para a última peregrinação aniversária deste ano
Fiéis
Milhares de fiéis encheram ontem o recinto do Santuário de Fátima para a última peregrinação aniversária deste ano
Milhares de fiéis encheram ontem o recinto do Santuário de Fátima para a última peregrinação aniversária deste ano
Milhares de fiéis encheram ontem o recinto do Santuário de Fátima para a última peregrinação aniversária deste ano
Milhares de fiéis encheram ontem o recinto do Santuário de Fátima para a última peregrinação aniversária deste ano
Milhares de fiéis encheram ontem o recinto do Santuário de Fátima para a última peregrinação aniversária deste ano
Fiéis
Milhares de fiéis encheram ontem o recinto do Santuário de Fátima para a última peregrinação aniversária deste ano
Milhares de fiéis encheram ontem o recinto do Santuário de Fátima para a última peregrinação aniversária deste ano
Fiéis
Milhares de fiéis encheram ontem o recinto do Santuário de Fátima para a última peregrinação aniversária deste ano
Milhares de fiéis encheram ontem o recinto do Santuário de Fátima para a última peregrinação aniversária deste ano
Fiéis
Milhares de fiéis encheram ontem o recinto do Santuário de Fátima para a última peregrinação aniversária deste ano
Milhares de fiéis encheram ontem o recinto do Santuário de Fátima para a última peregrinação aniversária deste ano
Milhares de fiéis encheram ontem o recinto do Santuário de Fátima para a última peregrinação aniversária deste ano
Milhares de fiéis encheram ontem o recinto do Santuário de Fátima para a última peregrinação aniversária deste ano
Milhares de fiéis encheram ontem o recinto do Santuário de Fátima para a última peregrinação aniversária deste ano
Fiéis
Milhares de fiéis encheram ontem o recinto do Santuário de Fátima para a última peregrinação aniversária deste ano
Milhares de fiéis encheram ontem o recinto do Santuário de Fátima para a última peregrinação aniversária deste ano
Fiéis
Milhares de pessoas encheram ontem o recinto do Santuário de Fátima, de lenço branco nas mãos para participarem na Procissão do Adeus, que encerrou a última peregrinação aniversária do ano, dedicada à última aparição de Nossa Senhora aos Pastorinhos, naquele que ficou conhecido como o ‘Milagre do Sol’.

D. Alexis Shirahama, bispo da paróquia japonesa de Hiroshima, presidiu às cerimónias de 12 e 13 de outubro, e ontem, durante a missa da peregrinação, declarou que "o Homem consegue destruir o Mundo inteiro e a natureza com a sua arrogância", frisando que essa arrogância é "o maior inimigo do Mundo de hoje".

Hoje, o calendário do Santuário está ligado a um dos momentos históricos de Fátima. O cardeal D. António Marto, bispo de Leiria-Fátima, revelou que o Santuário se vai associar, "espiritualmente", à proclamação de Paulo VI, o primeiro papa a visitar Fátima, como santo. Para o cardeal, Paulo VI "indicou o caminho do diálogo na relação da Igreja com a modernidade e com as outras religiões".

Para além do antigo papa, será também canonizado D. Oscar Romero, arcebispo de El Salvador intimamente ligado à luta contra a repressão no seu país e que, em 1980, foi assassinado por um atirador de elite do exército enquanto celebrava uma missa. "É um verdadeiro mártir da fé, dos mártires do século XX a que se refere a mensagem de Fátima", declarou o cardeal D. António Marto.

Bispo de Hiroshima recorda tragédia com ataque nuclear
D. Alexis Shirahama lembrou ontem as cidades japonesas de Hiroshima e Nagasaki que, na II Guerra Mundial "tiveram a desventura de ser um memorial de como o homem é capaz de uma destruição incrível", com ataques nucleares.

Papa nomeia novo bispo auxiliar para diocese de Lisboa
O Papa Francisco nomeou ontem o cónego D. Daniel Henriques, de 52 anos, como bispo auxiliar de Lisboa. Era atualmente pároco das paróquias de Torres Vedras e Matacães. É ordenado a 25 de novembro no Mosteiro dos Jerónimos, em Lisboa.

PORMENORES
Fátima celebra Paulo VI
A canonização do Papa Paulo VI, que decorre hoje no Vaticano, será também celebrada em Fátima. No contexto da contestação de que o Papa Francisco tem sido alvo, D. António Marto recordou a vinda de Paulo VI a Fátima, tendo sido o primeiro líder da Igreja Católica a visitar o Santuário, em 1967, "contra toda a Cúria romana".

Mais visitantes asiáticos
O número de fiéis oriundos dos países asiáticos tem vindo a aumentar nos últimos anos no Santuário de Fátima, revelou D. António Marto. "Estamos muito felizes por receber a visita dos fiéis japoneses", disse o cardeal. "A presença da mensagem de Fátima tem já muitos anos em território asiático, mas a capacidade de nos visitar era diminuta", considerou ainda.

Coreia do Sul preside
Foi também revelado na sexta- -feira que, em 2019, caberá a um membro da igreja sul-coreana presidir à Peregrinação Internacional. Sobre o possível convite ao Santo Padre para visitar a Coreia do Norte, D. António Marto frisou que "o papa não é inocente ao convite" e que "sabe que há motivações políticas", mas admitiu que, se acontecer, será "um passo gigantesco para a paz".
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)