Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
2

Piloto desmaiou durante voo com destino ao Funchal e co-piloto não tinha formação para aterrar

Avião acabou por regressar e aterrou no Porto, cerca de 2h15 depois de ter partido.
Correio da Manhã 5 de Janeiro de 2020 às 11:22
Aeroporto da Madeira
Aeroporto da Madeira FOTO: Joana Sousa
Um piloto desmaiou durante um voo da Transavia que fazia a ligação entre a cidade do Porto e o Funchal, na passada sexta-feira, 3 de janeiro, e o co-piloto, que não tinha a certificação necessária para aterrar no Aeroporto Cristiano Ronaldo, foi forçado a regressar ao Porto.

Segundo o site avherald.com - The Aviation Herald -, especializado em assuntos de aviação, o voo TO-3450 da Transavia que fazia a ligação Porto - Funchal, estava a cerca de 200nm do Funchal quando tudo aconteceu. O capitão da aeronave desmaiou durante cerca de um minuto, com suspeitas de pressão baixa, e foi socorrido por um tripulante.

O avião acabou por regressar e aterrou no Porto, cerca de 2h15 depois de ter partido.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)