Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
1

Poeiras africanas que afetam Portugal até quarta-feira têm efeitos na saúde. Saiba quais

Há previsão de aumento significativo nas concentrações atmosféricas de partículas inaláveis.
João Saramago 30 de Março de 2021 às 08:43
A carregar o vídeo ...
Poeiras africanas que afetam Portugal até quarta-feira têm efeitos na saúde. Saiba quais
A circulação de poeiras com origem no deserto do Saara, no Norte de África, prevista até quarta-feira, provoca uma situação de fraca qualidade do ar. "Este poluente tem efeitos na saúde humana, principalmente na população mais sensível, crianças e idosos, cujos cuidados de saúde devem ser redobrados", revela a Agência Portuguesa do Ambiente.

O "aumento significativo nas concentrações atmosféricas de partículas inaláveis" levanta ainda maiores cuidados junto dos "doentes com problemas respiratórios crónicos, principalmente asma e dos doentes do foro cardiovascular", adianta, por sua vez, a Direção-Geral da Saúde. É, por isso, recomendado que a "população deve evitar os esforços prolongados, limitar a atividade física ao ar livre e evitar a exposição a fatores de risco, tais como o fumo do tabaco e o contacto com produtos irritantes".

A população de risco deve "permanecer no interior dos edifícios e, se viável, com as janelas fechadas". A circulação de poeiras vai manter-se até quarta-feira, segundo informação do gabinete de Previsão da Qualidade do Ar (PrevQualar). Por sua vez, o Instituto Português do Mar e da Atmosfera indica que a bruma, caracterizada por céu acinzentado, associada a aguaceiros leva à deposição de poeiras, conhecida por "chuva de lama". A chuva reduz as concentrações de partículas no ar, o que acaba por enfraquecer o efeito nocivo.
Saara Norte de África Agência Portuguesa do Ambiente saúde questões sociais
Ver comentários