Portugal tem o mais antigo fóssil de crocodilo do mundo

Fóssil com 95 milhões de anos revela uma nova espécie de crocodilo.
Por Lusa|06.12.18

Paleontólogos de duas universidades portuguesas anunciaram esta quinta-feira a descoberta de um fóssil com 95 milhões de anos que revela uma nova espécie de crocodilo, que é a mais antiga do mundo.

"Pensava-se que os verdadeiros crocodilos, que faziam parte de um grupo que se chama 'Crocodylia', existiam apenas há 75 milhões de anos e este novo fóssil foi descoberto em rochas com 95 milhões de anos, logo 20 milhões de anos mais antigo do que aquilo que se pensava", afirmou à agência Lusa o paleontólogo Octávio Mateus.

O crânio e a mandíbula deste réptil foram encontrados em 2003 pela geóloga Matilde Azenha, em Tentúgal, concelho de Montemor-o-Velho, distrito de Coimbra, e foram estudados pelos investigadores Octávio Mateus e Eduardo Puértolas-Pascual, da Universidade Nova de Lisboa, e Pedro Callapez, da Universidade de Coimbra.

Os três paleontólogos confirmaram agora a descoberta da nova espécie num artigo publicado na revista científica "Zoological Journal of the Linnean Society".

A nova espécie, denominada 'Portugalosuchus azenhae' em homenagem à responsável pelo achado, possui características únicas que a distingue de todas as outras espécies.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!