Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
3

Portugal ultrapassa o meio milhão de infetados desde início da pandemia de Covid-19

Nova variante já foi detetada em pelo menos 72 casos no nosso País.
Edgar Nascimento 14 de Janeiro de 2021 às 08:57
Nova variante viral, proveniente do Reino Unido, já foi detetada em 72 casos
Nova variante viral, proveniente do Reino Unido, já foi detetada em 72 casos FOTO: Pedro Catarino
Portugal atingiu (e ultrapassou) na última terça-feira o meio milhão de infetados com Covid-19 desde o início da pandemia, em março do ano passado. No dia em que se voltaram a bater máximos, em 24 horas, de novos casos (10 556) e de óbitos ( 156), registou-se ainda um número recorde de doentes internados com SARS-CoV-2: 4240, mais 197 face ao dia anterior. Esta quarta-feira estavam ainda internados 596 doentes em Unidades de Cuidados Intensivos, menos três do que na véspera. Já os casos ativos são 116 328 (o equivalente, por exemplo, aos estádios da Luz e do Dragão cheios).

Uma das preocupações das autoridades de saúde centra-se agora na nova variante do coronavírus, que no Reino Unido fez disparar as infeções, e que em Portugal já foi detetada em pelo menos 72 casos, segundo o Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA). Estes casos foram identificados em 28 concelhos de 10 distritos. O INSA informou que os dados desta nova variante, mais contagiosa, "apontam para a existência de transmissão comunitária". O INSA, que já analisou 2342 sequências do genoma do SARS-CoV-2 a partir de amostras recolhidas em pessoas infetadas, detetou "38 novas sequências da nova variante".

PAÍS DE LÉS A LÉS

Gondomar - "Esperança" da vacina em várias instituições
Cerca de 170 utentes do lar O Aconchego do Forno, em Rio Tinto, e do Hospital-Escola Fernando Pessoa, em Gondomar, foram vacinados ontem de manhã. A administração da primeira dose prosseguiu naquele concelho, à tarde, com mais 50 idosos inoculados no Centro Social de Valbom. "É um momento de esperança e fundamental para travar a propagação da pandemia", disse ao CM Marco Martins, presidente da Câmara de Gondomar.
A vacinação prosseguirá nos próximos dias noutros lares do concelho. O autarca fala de uma operação "montada em tempo recorde", agradecendo a colaboração e disponibilidade dos profissionais de saúde envolvidos. "Gostaríamos que tudo fosse mais cedo, mas o processo iniciou mal foi possível", disse o autarca.

Viseu - Hospital de campanha vai receber doentes  
O hospital de campanha montado pela Câmara de Viseu no pavilhão do Fontelo vai ser ativado, em princípio já amanhã. Isto porque a total capacidade do hospital está a esgotar-se. Estavam ontem internados, no Centro Hospitalar Tondela-Viseu, 175 pessoas infetadas com Covid-19, sendo que 11 delas nos Cuidados Intensivos. Perante o esgotamento logístico da unidade para mais doentes, as autoridades de saúde locais, em harmonia com os responsáveis hospitalares e a Segurança Social, estão a elaborar o processo de funcionamento do hospital de campanha, classificado como uma estrutura de apoio de retaguarda e cujos trabalhos de instalação da climatização e oxigénio terminaram anteontem. Terá 64 camas para acolher doentes Covid-19.

Benavente - Lar ilegal em Samora Correia com 50 casos  
Quarenta e três dos 44 utentes e sete dos 10 funcionários de um lar não legalizado em Samora Correia, Benavente, estão infetados com o Sars-CoV-2, revelou ontem fonte autárquica. Segundo o presidente da Câmara de Benavente, Carlos Coutinho, seis utentes foram internados no Hospital de Vila Franca de Xira, por indicação da Autoridade de Saúde, mas não têm "patologias sérias". Por determinação da autoridade de saúde, os idosos vão ser encaminhados para uma nova estrutura residencial, em Fátima, visto que o lar Cantinho do Sénior não apresenta condições de permanência. O caso original foi identificado na segunda-feira e a direção levou a cabo a testagem de todos os funcionários e utentes – resultados foram conhecidos na terça-feira.

Albufeira e Tavira - 170 idosos e funcionários vacinados
Cerca de 170 idosos e funcionários de lares e unidades de cuidados continuados de Albufeira e Tavira foram vacinados contra o novo coronavírus durante dois dias.
No Concelho de Albufeira, nos dois lares geridos pelo Centro Paroquial de Paderne, cerca de 110 pessoas foram imunizadas contra a Covid-19. "Estou confiante que a vacina permita abrir uma janela de esperança", revelou ao CM o padre Pedro Manuel, dirigente da instituição.
Já em Tavira, na Unidade de Cuidados Continuados de Longa Duração de Santa Catarina de Fonte do Bispo, foram vacinados um total de 58 utentes e funcionários da instituição. Antes, foram realizados "testes rápidos aos funcionários para confirmar que ninguém estava infetado", explicou ao Correio da Manhã Manuel Marrafa, diretor do Centro Humanitário da Cruz Vermelha de Tavira. "É um sinal de esperança", entende a enfermeira coordenadora, Vera Rodrigues.
Mais informação sobre a pandemia no site dedicado ao coronavírus - Mapa da situação em Portugal e no Mundo. - Saiba como colocar e retirar máscara e luvas - Aprenda a fazer a sua máscara em casa - Cuidados a ter quando recebe uma encomenda em casa. - Dúvidas sobre coronavírus respondidas por um médico Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24
Ver comentários