Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
4

Prédio do Ministério em risco de ruína

O prédio nº 64 da alameda D. Afonso Henriques, em Lisboa, propriedade do Hospital Rovisco Pais, está em "total degradação e corre o risco de ruir", avisam os moradores, que ameaçam recorrer a tribunal.
11 de Março de 2009 às 00:30
Imóvel bastante degradado
Imóvel bastante degradado FOTO: Miguel A. Lopes/Lusa

"Ou fazem alguma coisa rapidamente ou avançamos com esta situação para os meios judiciais", avisaram os residentes no prédio, que há mais de 40 anos tem vindo a degradar-se.

Tecto caído, ferros soltos, janelas que não fecham e vidros partidos são os mais graves problemas da casa de Maria de Fátima, moradora do 3º direito há dez anos, que confessou ter medo que o prédio caia a qualquer momento. Os moradores já apresentaram várias queixas, quer ao Ministério da Saúde, quer à Associação Lisbonense de Proprietários, a quem está entregue a administração do edifício, bem como à autarquia lisboeta. Fonte do Ministério da Saúde informou que o imóvel está em processo de venda.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)