Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
3

Prejuízo para alunos

Os cerca de 1500 alunos das Universidades Moderna e Internacional – encerradas compulsivamente pelo Governo perante um acumular de dívidas de milhões de euros – terão perdido, em média, o investimento de um ano lectivo. Os estudantes vão ter de pedir transferência para outras universidades, o que os obrigará a repetir cadeiras.
5 de Outubro de 2008 às 00:30
Universidades encerradas acumulam milhões de euros de dívidas
Universidades encerradas acumulam milhões de euros de dívidas FOTO: Jordi Burch

"O processo de equivalências das cadeiras é demorado, difícil e o aluno acaba por ter na prática de realizar mais um ano lectivo", disse Hermínio Brioso, antigo presidente da associação académica da Universidade Independente (extinta em Outubro de 2007), que liderou o processo junto da direcção-geral de Ensino Superior para a transferência de 400 alunos.

Antigo presidente da federação das associações de estudantes do Ensino Superior privado e cooperativo entre 1998 e 2005, Brioso revela que, "em média, os alunos das privadas pagam por ano 6500 euros" e acrescenta: "A ter de repetir um ano de curso, por não serem reconhecidas todas as cadeiras, acaba por ver esse dinheiro perdido."

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)