Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade

Presidente da República espera que subida de preços da energia não se prolongue prejudicando a economia

Marcelo Rebelo de Sousa referiu que a Comissão Europeia "tem um pacote de medidas ou de sugestões" para os Estados-membros.
Lusa 14 de Outubro de 2021 às 18:43
A carregar o vídeo ...
Presidente da República espera que subida de preços da energia não se prolongue prejudicando a economia
O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, afirmou esta quinta-feira esperar que a atual subida de preços da energia não se prolongue para além de "março, abril" de 2022, prejudicando a recuperação económica.

Em resposta a questões dos jornalistas, no final de uma visita a uma escola secundária na Amadora, distrito de Lisboa, Marcelo Rebelo de Sousa referiu que a Comissão Europeia "tem um pacote de medidas ou de sugestões" aos Estados-membros "para o curto prazo, até março, abril", acreditando que depois disso "os fatores que pesam hoje já não pesarão".

"É de esperar ou é de desejar que a situação não se prolongue nos termos que existem hoje para além de março e abril, porque aí começaria a pesar ainda mais naquilo que todos desejamos, que é a recuperação do tempo perdido na economia na Europa e no mundo", acrescentou o chefe de Estado.

Marcelo Rebelo de Sousa economia negócios e finanças
Ver comentários