Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade

Professores enviam manifesto à ministra

Um manifesto para entregar à ministra da Educação foi a principal conclusão que saiu do encontro que ontem reuniu, em Santarém, representantes de 139 conselhos executivos de escolas de todo o País. A demissão colectiva destes órgãos de gestão chegou a estar em cima da mesa, como medida de força contra o modelo de avaliação do Governo, mas os responsáveis decidiram, para já, não radicalizar a sua posição.
11 de Janeiro de 2009 às 00:30
Os docentes marcaram um novo encontro para 7 de Fevereiro, novamente em Santarém
Os docentes marcaram um novo encontro para 7 de Fevereiro, novamente em Santarém FOTO: João Nuno Pepino

"Essa foi apenas uma das hipóteses discutidas, mas que até nem reuniu grande consenso por parte dos professores aqui presentes", afirmou Fernando Trindade, da Escola Secundária da Mealhada, no final da reunião que durou mais de três horas.

Contudo, essa forma de luta pode "ser equacionada no futuro, se não houver uma resposta que nos deixe mais tranquilos" por parte do Ministério, acrescentou Maria João Igreja, do Agrupamento de Escolas Alexandre Herculano, em Santarém. Até porque ficou marcado um novo encontro para dia 7 de Fevereiro, novamente em Santarém.

Para já, "o manifesto reforça a posição do Conselho das Escolas relativo ao pedido de suspensão do modelo de avaliação, mesmo nesta versão simplificada", afirmou Maria João Igreja. Segunda a professora, "não é possível levar o modelo por diante porque a responsabilidade de o concretizar caiu inteiramente em cima dos conselhos executivos". "E tendo sido retirada a dimensão científico-pedagógica, que é aquela que faz sobressair o papel do professor, caiu também a essência desta avaliação", acrescentou.

MAIS DADOS

DEBATE

O excesso de responsabilidade e a impossibilidade de tornar exequível o modelo de avaliação simplificado foram os principais pontos debatidos ontem.

CREDIBILIDADE

"Consideramos essencial a avaliação, pela credibilidade do ensino e dignificação do professor. Mas recusamos liminarmente este modelo", disse um docente.

PRESENÇAS

Dos cerca de 1200 a nível nacional, este encontro reuniu 139 representantes de conselhos executivos de vários distritos, excepto do Sul.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)