Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
3

Professores começam a sentir retoma na UE

Portugal não acompanha tendência de recuperação.
3 de Outubro de 2014 às 12:51
Dados avançados por relatório divulgado em Bruxelas
Dados avançados por relatório divulgado em Bruxelas FOTO: Getty Images

No ano letivo 2013-14, os professores de 16 Estados-membros da União Europeia viram os seus salários aumentar face ao ano anterior, mas Portugal ainda não acompanha esta tendência de recuperação, revela um relatório esta sexta-feira divulgado em Bruxelas.


O relatório divulgado pela Comissão Europeia aponta que a maioria dos países europeus registou uma subida dos salários dos professores no ano letivo transato - embora em muitos países os salários reais, em função do custo de vida, estejam ainda abaixo dos níveis de 2009, quando começou a crise -, mas três países registaram descidas superiores a 1%, designadamente Grécia, Chipre e Portugal.


"Em Portugal, devido à crise económica, os professores também sofreram reduções de salários, à semelhança de todos os funcionários públicos. No entanto, em junho de 2014, estas reduções foram suspensas devido à decisão do Tribunal Constitucional", refere o documento elaborado pela Eurydice, rede europeia que elabora informação sobre os sistemas educativos na Europa.



professores retoma UE
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)