Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
6

Quase dois mil enfermeiros em vigilância ativa afastados de funções

Medida deve-se ao facto dos profissionais de saúde terem estado em contacto direto com doentes infetados com coronavírus.
Correio da Manhã 7 de Abril de 2020 às 23:50
A carregar o vídeo ...
Quase dois mil enfermeiros em vigilância ativa afastados de funções

Quase dois mil enfermeiros encontram-se atualmente em vigilância ativa em casa, impedidos de prestar cuidados de saúde. A medida deve-se ao facto dos profissionais de saúde terem estado em contacto direto com doentes infetados com coronavírus.

Os números, que rondam os dois milhares de profissionais nestas condições, resultam do inquérito lançado pela Ordem dos Enfermeiros, ao qual responderam 20771 (cerca de 50% dos enfermeiros que trabalham no SNS), de acordo com o site desta organização. A amostra revela ainda que há 363 infetados.

"Além dos 1984 Enfermeiros em vigilância activa, há ainda 1810 em vigilância passiva, sem realização de teste ou a aguardar. Entre os mais de 20 mil enfermeiros que responderam ao inquérito da Ordem, há a registar apenas 16 curados", pode ler-se na nota.

Ordem dos Enfermeiros saúde profissionais de saúde coronavírus vírus covid-19
Ver comentários