Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade

Renovações das cartas de condução atrasadas

Médicos de família têm dúvidas nos procedimentos.
Tiago Griff 6 de Novembro de 2017 às 08:56
Na unidade Farol, em Faro, disseram a António Miguel para aguardar
Na unidade Farol, em Faro, disseram a António Miguel para aguardar FOTO: Direitos Reservados
Dúvidas dos médicos de família em relação às novas avaliações físicas, mentais e psicológicas dos atestados para as cartas de condução de candidatos do Grupo 2 (que engloba condutores de ambulâncias e de veículos de bombeiros) têm criado constrangimentos e atrasos nos processos.

Um dos afetados conta que, na Unidade de Saúde Familiar Farol, em Faro, lhe foi pedido que esperasse duas semanas para regularizarem a situação.

"Disseram-me que o questionário que usam para avaliar os condutores era muito extenso e que tinha de esperar mais duas semanas para voltar a tentar fazer a avaliação", explicou ao CM António Miguel, de 65 anos, que está obrigado a renovar a carta de condução devido à idade e precisa de um título do Grupo 2.

Em esclarecimento, a Administração de Saúde do Algarve confirmou os "constrangimentos que se têm sentido" devido às "dúvidas colocadas pelos médicos" e revelou que esta é uma situação que se tem registado a nível nacional.

"A obrigatoriedade da emissão eletrónica do atestado do Grupo 2 requer uma avaliação mais específica e exigente", assume a ARS.
Médicos de família algarve atrasos cartas de condução
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)