Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
9

Ria de Ovar com "potencial para o turismo"

Requalificação da zona custa 800 mil euros.
6 de Dezembro de 2014 às 08:54
As obras foram conduzidas pela sociedade Polis Litoral Ria de Aveiro
As obras foram conduzidas pela sociedade Polis Litoral Ria de Aveiro FOTO: Francisco Manuel

A nova frente lagunar de Ovar é inaugurada este sábado, depois de uma requalificação de 800 mil euros ter transformado esse extremo da ria de Aveiro num espaço de lazer que agora tem "potencial para o turismo".

É essa a visão do presidente da Câmara Municipal de Ovar, Salvador Malheiro, que, em declarações à Lusa, reconhece que as obras conduzidas pela sociedade Polis Litoral Ria de Aveiro operaram "uma mudança muito grande" no local.

"As margens deste braço norte da ria estavam completamente esquecidas, muito feias e sem qualquer dignidade", recorda o autarca. "Agora estão transformadas num espaço de lazer que valoriza toda região e tem um novo potencial, o que nos permite promover melhor esta atração turística que é a ria", acrescenta.

Salvador Malheiro realça, contudo que ainda há obra por fazer no que se refere às zonas lagunares do município. "Apesar de já estar em curso a requalificação do Cais da Pedra e de ter sido lançada a empreitada do Cais do Puxadouro, esperamos com grande expectativa que arranquem as obras na Barrinha de Esmoriz", explica.

Essa intervenção também está a cargo da Polis e terá que ser concluída durante o ano de 2015, "sob risco de se perderem os fundos comunitários que já lhe foram atribuídos".

Ovar Aveiro presidente da Câmara Municipal de Ovar Salvador Malheiro
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)