Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
5

Risco de colapso deixa 13 pessoas desalojadas

Prédio de seis andares nas Caldas da Rainha sofreu danos.
Francisca Genésio, Francisco Gomes e Tiago Griff 12 de Março de 2018 às 09:01
Moradores dizem que as obras de restauro deviam ter começado em fevereiro
Moradores dizem que as obras de restauro deviam ter começado em fevereiro
Moradores dizem que as obras de restauro deviam ter começado em fevereiro
Moradores dizem que as obras de restauro deviam ter começado em fevereiro
Moradores dizem que as obras de restauro deviam ter começado em fevereiro
Moradores dizem que as obras de restauro deviam ter começado em fevereiro
Moradores dizem que as obras de restauro deviam ter começado em fevereiro
Moradores dizem que as obras de restauro deviam ter começado em fevereiro
Moradores dizem que as obras de restauro deviam ter começado em fevereiro
Moradores dizem que as obras de restauro deviam ter começado em fevereiro
Moradores dizem que as obras de restauro deviam ter começado em fevereiro
Moradores dizem que as obras de restauro deviam ter começado em fevereiro
Moradores dizem que as obras de restauro deviam ter começado em fevereiro
Moradores dizem que as obras de restauro deviam ter começado em fevereiro
Moradores dizem que as obras de restauro deviam ter começado em fevereiro
Moradores dizem que as obras de restauro deviam ter começado em fevereiro
Moradores dizem que as obras de restauro deviam ter começado em fevereiro
Moradores dizem que as obras de restauro deviam ter começado em fevereiro
A queda de uma parede de um prédio de seis andares, nas Caldas da Rainha, deixou ontem o edifício em risco de colapso e 13 pessoas desalojadas. Entre elas estavam quatro crianças. De acordo com a Proteção Civil, a queda do revestimento foi "potenciada pelo mau tempo".

"É lamentável esta situação porque as obras de conservação e restauro deviam ter começado em fevereiro", disse ao CM Ana Catarina, moradora, sublinhando que "a situação já estava referenciada há mais de um ano". Os moradores foram, ainda ontem, realojados numa residencial da cidade. Segundo a Proteção Civil, a Câmara das Caldas da Rainha vai avaliar hoje o estado do edifício.

No Algarve, dezenas de árvores caíram devido às fortes rajadas de vento que se fizeram sentir entre a noite de sábado e a madrugada de ontem, que chegaram a atingir os 120 km/h. Também o telhado do Pavilhão Municipal de Olhão ficou danificado devido ao mau tempo. O caso mais grave foi a queda de um eucalipto, com mais de 15 metros, em cima de uma habitação de uma comunidade cigana, em Faro. Três pessoas ficaram desalojadas.

A Proteção Civil registou, entre as 00h00 de sexta-feira e as 19h00 de ontem, 1753 ocorrências em todo o País devido ao mau tempo. A maioria ocorreu em Lisboa (491), Santarém (153) e o Porto (142), tratando-se sobretudo de quedas de árvores e inundações.

Terrenos submersos
Vários terrenos agrícolas estão submersos na Golegã, em Santarém e no Cartaxo devido à subida do caudal dos rios.

Turistas resgatam cão
A Polícia Marítima recebeu, ontem, um alerta de turistas que estavam a resgatar um cão do mar, na Figueira da Foz. Não se registaram feridos.

Cais da Régua interdito
O acesso de viaturas ao cais da Régua foi ontem interdito por precaução, já que a plataforma está bem próxima do rio Douro e uma pequena subida das águas poderá inundá-la rapidamente.

Crestuma debita água
A barragem de Crestuma-Lever estava, ontem à tarde, a debitar mais de 4 mil metros cúbicos de água por segundo para ganhar capacidade de armazenamento.

Abatimento de piso em rua de Loures
Os Serviços Municipais da Proteção Civil de Loures registaram ontem um abatimento de piso num coletor de águas pluviais na rua Maria Lamas. Segundo apurou o CM, a chuva intensa foi responsável pelo incidente.

Vento arrasta cobertura em Beja
O vento forte arrastou, ontem, várias estruturas metálicas da cobertura do parque de estacionamento de um hipermercado, em Beja. Uma das estruturas foi projetada para a estrada, mas não provocou qualquer vítima ou dano material.
Régua Pavilhão Municipal de Olhão Câmara das Caldas da Rainha Caldas da Rainha Proteção Civil
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)