Risco de colapso deixa 13 pessoas desalojadas

Prédio de seis andares nas Caldas da Rainha sofreu danos.
Por Francisca Genésio, Francisco Gomes e Tiago Griff|12.03.18
A queda de uma parede de um prédio de seis andares, nas Caldas da Rainha, deixou ontem o edifício em risco de colapso e 13 pessoas desalojadas. Entre elas estavam quatro crianças. De acordo com a Proteção Civil, a queda do revestimento foi "potenciada pelo mau tempo".

"É lamentável esta situação porque as obras de conservação e restauro deviam ter começado em fevereiro", disse ao CM Ana Catarina, moradora, sublinhando que "a situação já estava referenciada há mais de um ano". Os moradores foram, ainda ontem, realojados numa residencial da cidade. Segundo a Proteção Civil, a Câmara das Caldas da Rainha vai avaliar hoje o estado do edifício.

No Algarve, dezenas de árvores caíram devido às fortes rajadas de vento que se fizeram sentir entre a noite de sábado e a madrugada de ontem, que chegaram a atingir os 120 km/h. Também o telhado do Pavilhão Municipal de Olhão ficou danificado devido ao mau tempo. O caso mais grave foi a queda de um eucalipto, com mais de 15 metros, em cima de uma habitação de uma comunidade cigana, em Faro. Três pessoas ficaram desalojadas.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!