Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade

Rui Pinto em maus lençóis com novo caso

Pirata informático terá acedido a mais de 500 contas pessoais e sistemas informáticos.
Ângela Gonçalves Marques 4 de Outubro de 2019 às 01:30
Ana Gomes e Rui Pinto
Rui Pinto
Hacker Rui Pinto
Ana Gomes e Rui Pinto
Rui Pinto
Hacker Rui Pinto
Ana Gomes e Rui Pinto
Rui Pinto
Hacker Rui Pinto
Acusado já de 147 crimes, os problemas de Rui Pinto com a Justiça estão prestes a crescer. O pirata informático, em prisão preventiva, vai enfrentar um novo processo, depois de ter sido extraída uma certidão para a abertura de um outro inquérito.

Em causa, de acordo com a revista ‘Sábado’, estão indícios de que Rui Pinto tenha acedido aos sistemas informáticos de mais de 500 pessoas e entidades. No rol apurado pelos inspetores da Polícia Judiciária estão clubes como o Benfica, FC Porto, Real Madrid e Juventus, FIFA, UEFA, sociedades de advogados, a IURD e até mesmo a Rede Nacional de Segurança Interna. Mas a lista pode aumentar.

Isto porque os aparelhos eletrónicos apreendidos ao ‘pirata’ na altura da detenção, na Hungria, continuam a ser analisados por especialistas e está aberta a hipótese de serem identificadas mais vítimas.

Ainda assim, a ex-eurodeputada Ana Gomes continua a defender que Justiça devia "tirar partido do amigo hacker". A expressão foi utilizada pela procuradora Maria José Morgado e recuperada por Ana Gomes, que, em declarações ao CM, considerou "inacreditável e insuportável" que o Ministério Público não investigue os "crimes expostos".

Nas palavras de Ana Gomes, esses são "casos importantes de crimes fiscais e financeiros" que colocam a nu "os aspetos mais perversos do futebol", numa alusão clara aos emails do Benfica. "Não acho que os fins justifiquem os meios, mas não se podem desconsiderar estas denúncias graves de criminalidade organizada", considerou.

SAIBA MAIS
Diário apreendido
O hacker tinha na sua cela um diário com 59 páginas, que foi apreendido a 30 de agosto. O documento, escrito à mão, pode ajudar na investigação, nomeadamente no que diz respeito à grafia de Rui Pinto.

147
é o número de crimes de que Rui Pinto é acusado: 75 de acesso ilegítimo, 70 de violação de correspondência, um de sabotagem informática e um crime de tentativa de extorsão.

Redes sociais
Na sua página do Twitter, são muitas as publicações de Ana Gomes sobre Rui Pinto. Na última, de 30 de setembro, escreveu que a prisão preventiva do ‘pirata’ "sugere que o objetivo é silenciá-lo e destrui-lo".
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)