Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
4

Sindicato acusa TAP de reduzir tripulação

O Sindicato do Pessoal de Voo da Aviação Civil (SNPVAC) acusou este sábado a TAP de pretender retirar um elemento da tripulação dos voos de médio curso, mas a companhia diz que são "situações excepcionais", resultantes de "picos de absentismo".
9 de Junho de 2012 às 13:13
TAP, sindicato, tripulação, companhia, voos, low cost
TAP, sindicato, tripulação, companhia, voos, low cost FOTO: José António Cruz

"A TAP está a preparar-se para realizar todos os voos de médio curso apenas com a tripulação mínima de segurança e assim não há serviço ao passageiro, o que nos leva a questionar se a TAP se pretende transformar numa empresa 'low cost'", disse este sábado à Lusa o director do SNPVAC, Ricardo Andrade, admitindo o recurso à greve.

Fonte oficial da TAP adiantou à Lusa que a realização de voos com a tripulação mínima "tem a ver com o pico de absentismo com que a companhia se confrontou", tratando-se de "situações excepcionais".

"Entre fazer os voos com tripulação mínima e não fazer de todo, a TAP prefere fazer", acrescentou fonte oficial da companhia aérea.

O sindicalista acusou a TAP de pretender "realizar todos os voos de médio curso apenas com a tripulação mínima de segurança, passando por cima do Acordo de Empresa, bem como do Regime Transitório, assinado no ano passado".

Em declarações à Lusa, Ricardo Andrade considerou que "os tripulantes de cabine não podem continuar a permitir que os normativos sejam desrespeitados", admitindo o recurso à greve, à semelhança do que aconteceu há um ano.

Em Junho de 2011, os tripulantes da TAP avançaram com um pré-aviso de greve contra a retirada de um elemento da tripulação dos voos, que foi desconvocada depois de terem chegado a um entendimento com a empresa.

Neste contexto, o sindicalista apelou ainda à intervenção "urgente" do Governo junto da administração da companhia, liderada por Fernando Pinto.

"Sabemos que quem manda é o Governo, que em outras situações mostrou grande interesse em ter paz social na TAP, para que intervenha junto à administração da TAP", declarou.

O SNPVAC adiantou que tomou conhecimento desta alegada decisão da TAP, através de uma comunicação interna, assinada pelo director de Operações de Voo da TAP Portugal, mas a companhia rejeita que haja qualquer decisão de redução da tripulação nesse documento.

TAP sindicato tripulação companhia voos low cost
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)