Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
6

Tomás vai à China para tratar leucemia porque em Israel tratamentos já não fazem efeito

"Estamos confiantes que vai correr tudo bem com o tratamento em Pequim", diz família Batazu no Instagram.
Correio da Manhã 4 de Dezembro de 2022 às 20:05
Tomás
Tomás FOTO: DIREITOS RESERVADOS
Tomás Lamas, a criança que sofre de leucemia, e cuja família fez um apelo nas redes sociais para angariar 350 mil euros para realizar o tratamento do filho em Israel vai partir agora para Pequim, na China, após os médicos terem garantido que em Israel os tratamentos já não estão a fazer efeito. 

A família Batazu, como é conhecida no Instagramrecorreu às redes sociais onde dá conta que o tratamento aplicado em Israel "já não funcionam no nosso Tomás e sob a orientação da equipa médica de Israel encontrou-se uma alternativa mais eficaz", começam por dizer. 

"Estamos confiantes que vai correr tudo bem com o tratamento em Pequim para depois o Tomás se encontrar em Telavive, Israel, com a mana Mariana e avançar para o transplante", pode ler-se na publicação. 



A história de Tomás comoveu o país e em quatro dias conseguiram angariar 350 mil euros para a realização de tratamentos em Telaviv, em Israel.  O menino de 11 anos foi diagnosticado com leucemia mieloide aguda há um ano e meio. 


View this post on Instagram

A post shared by Batazu (@batazu_family)

Tomás Lamas Pequim China Instagram Israel Batazu Isarael Mariana
Ver comentários
C-Studio