Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
2

Turismo algarvio continua a disparar em setembro

Mercados britânico, holandês e alemão continuam a ser os maiores clientes da região
26 de Agosto de 2013 às 01:00
As praias do Algarve têm estado cheias, sinal do aumento da procura da região
As praias do Algarve têm estado cheias, sinal do aumento da procura da região FOTO: Jorge Paula

A subida da ocupação hoteleira no Algarve, que tem vindo a acontecer desde o início do ano – quando comparada com o ano de 2012 –, vai manter-se nos próximos meses, incluindo no mês de setembro, que ainda está inserido na época alta turística da região.

"Desde o início deste ano que tem havido uma subida na taxa da ocupação na ordem dos cinco por cento", assume ao CM Elidérico Viegas, presidente da Associação dos Hotéis e Empreendimentos Turísticos do Algarve (AHETA), revelando que são números que estão a inverter a tendência da queda que se tem sentido nos últimos anos: "São indicadores muito bons e que se espera que se mantenham durante mais dois meses, pois a época turística mantém-se até à terceira semana de outubro", revela o dirigente.

A baixa de preços das unidades hoteleiras, a rondar os 25 por cento quando comparada com o mês de agosto, é um dos fatores mais apetecíveis para o turismo na região mais a sul de Portugal, que tem os seus maiores clientes no mercado externo, como o britânico, holandês e alemão. Mercados que têm compensado a descida da procura do Algarve por parte dos portugueses – que tem vindo a descer devido à crise financeira – e que dão clara preferência a gozar férias no mês de agosto.

"Apesar da boa ocupação turística que se tem registado, não quer dizer que as receitas acompanhem o sucesso, porque para fazer frente à crise muitos operadores turísticos tiveram de baixar os preços e fazer várias promoções para chamarem mais turistas", afirma Elidérico Viegas (mais informação na pág. 51).

praias algarve turismo setembro unidade hoteleira
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)